Para o que vivemos

O caos se tornou o grande
e supremo imperador
da nossa existência.
Já não entendemos o porquê
de nossas ações nem nos
perguntamos para o
que vivemos.
Queremos escapar do
vazio da  banalidade,
mas sentimo-nos 
perdidos entre os
ventos furiosos
que nos fazem ir
aonde não sabemos
se queremos de
fato chegar.
Diariamente, somos
fustigados por 
forças contrárias 
aos nossos desejos
e distantes dos
nossos sentimentos, 
as quais nos atordoam
e tão dolorosamente
nos relembram que
jamais nos questionamos
para o que vivemos.

Submited by

Tuesday, December 8, 2015 - 14:42

Poesia :

No votes yet

Atenéia

Atenéia's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 3 years 10 weeks ago
Joined: 03/21/2011
Posts:
Points: 2453

Add comment

Login to post comments

other contents of Atenéia

Topic Title Repliessort icon Views Last Post Language
Poesia/General Os gatos cinzentos 0 1.366 02/20/2014 - 13:58 Portuguese
Poesia/General João pulou da ponte 0 3.547 02/20/2014 - 13:52 Portuguese
Prosas/Mistério O fantasma da velha escola - 9 0 1.918 08/16/2015 - 19:30 Portuguese
Poesia/Gothic Suspiros na escuridão 0 973 08/16/2015 - 19:05 Portuguese
Poesia/Meditation A alma do poeta 0 1.750 08/16/2015 - 19:02 Portuguese
Prosas/Contos O terrível guri Alexandre 0 1.777 10/12/2013 - 12:31 Portuguese
Prosas/Mistério Eu sei que foi você - capítulo 10 0 875 06/26/2014 - 00:48 Portuguese
Poesia/Gothic Senti que ela vinha 0 1.248 12/11/2015 - 20:57 Portuguese
Prosas/Mistério O mistério da velha escola - 12 0 1.207 08/22/2015 - 20:24 Portuguese
Poesia/Gothic Gargalhadas 0 814 12/11/2015 - 20:52 Portuguese
Poesia/Meditation Perco as palavras 0 1.476 12/09/2015 - 16:40 Portuguese
Poesia/General Amanhecer 0 1.055 12/09/2015 - 16:39 Portuguese
Poesia/Haiku Brisa 0 1.198 12/09/2015 - 16:36 Portuguese
Poesia/Love Tão distantes 0 1.096 08/22/2015 - 20:28 Portuguese
Poesia/Gothic Gritos na noite 0 1.090 08/22/2015 - 20:30 Portuguese
Poesia/Meditation A verdade 0 1.367 12/08/2015 - 14:44 Portuguese
Poesia/Meditation Para o que vivemos 0 1.141 12/08/2015 - 14:42 Portuguese
Prosas/Contos Um dia terrível 0 1.147 02/13/2014 - 13:32 Portuguese
Prosas/Romance O diário de Vitória 0 1.115 09/20/2012 - 12:38 Portuguese
Prosas/Contos Anjos sem asas 1.ª parte 0 1.287 12/15/2014 - 10:30 Portuguese
Poesia/General Estou sozinha 0 1.818 05/17/2013 - 18:46 Portuguese
Poesia/Fantasy Sou a... 0 1.176 12/15/2014 - 10:12 Portuguese
Críticas/Movies Os limites da vingança 0 1.531 08/13/2012 - 15:48 Portuguese
Poesia/Meditation Who will be strong 0 2.144 04/22/2016 - 21:07 English
Poesia/Meditation Let me be myself 0 2.117 04/22/2016 - 20:56 English