Exílio (Ebook Kindle) - Amazon

Exílio (Ebook Kindle) - Amazon

Exílio eBook Kindle na Amazon 
por Seyed Morteza Hamidzadeh (Autor), Jamila Mafra (Tradutora)
Livro de poemas do meu amado amigo, o escritor Iraniano Seyed Morteza Hamidzadeh, que eu traduzi com muito carinho do inglês para o português. 

https://www.amazon.com.br/dp/B07FW63KPS?__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C...

Palavras tocantes de um poeta irianiano que segue em busca da paz através de seus versos e de modo único fala sobre as guerras constantes enfrentadas pelo ser humano e principalmente por seu povo no oriente médio. 
Seyed Morteza Hamidzadeh nasceu, cresceu e vive em um mundo completamente diferente daquele que muitos de nós conhecemos. Mas ele não é diferente de qualquer um de nós. 
Sim, ele enfrenta a morte, insegurança e desordem diariamente, mas isso não o torna menos humano ou real do que o resto de nós. 
Hamidzadeh nasceu para ser um soldado. Não um soldado de ódio ou guerra, mas um soldado do coração e da paz.

EXÍLIO
 
Ó, testemunhas da noite,
Por favor, me exilem
Para o ponto mais distante do universo,
Na área mais obscura do complexo do vácuo.
 
A todo momento
Eu penso sobre o prazer
Que tive naquela noite,
 
A voz da caneta dos calígrafos foi ouvida,
E eu fingi que dormia,
Pois estava muito cansado!
 
Tempo,
Este é o meu lugar para agir,
Eu tenho a minha fé reconhecida!
 
Eu iria ao cemitério
Para abrir minha própria cova,
Mas lá fora está muito frio,
Está nevando.
 
E para quê guarda-chuvas?
Já preparei a cerimônia do meu funeral
Nesse mundo marginal!

Ó, testemunhas da noite,
Por favor, me exilem
Para o ponto mais distante do universo,
Na área mais obscura do complexo do vácuo.

Submited by

Thursday, July 18, 2019 - 00:52

Fotos :

Your rating: None (1 vote)

jamilamafra

jamilamafra's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 10 weeks 1 day ago
Joined: 09/03/2009
Posts:
Points: 6052

Add comment

Login to post comments

other contents of jamilamafra

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Sadness Viagem Triste e As Montanhas 3 909 10/22/2009 - 22:16 Portuguese
Poesia/Meditation Assassinos. 1 1.180 10/26/2009 - 16:06 Portuguese
Poesia/Meditation A Chuva Sobre Os Versos e o Significado 2 1.491 10/30/2009 - 17:37 Portuguese
Poesia/Sadness Cemitério dos Olhos Fechados 2 632 11/04/2009 - 17:57 Portuguese
Poesia/Meditation O Jantar das Minhocas 2 953 11/10/2009 - 16:11 Portuguese
Poesia/Meditation Matrix Dos Deuses ( Batalha nos Céus ) 2 728 11/13/2009 - 14:23 Portuguese
Prosas/Drama Túmulo Das Lembranças. 1 2.553 11/13/2009 - 20:46 Portuguese
Poesia/Meditation Senhor Dos Exércitos 2 1.041 11/17/2009 - 04:56 Portuguese
Poesia/Sadness O Destruidor. 1 615 11/18/2009 - 17:18 Portuguese
Poesia/Meditation As Árvores. 2 1.218 11/18/2009 - 23:45 Portuguese
Poesia/Meditation A Cura da Cegueira 2 496 11/20/2009 - 16:36 Portuguese
Poesia/Sadness Anjo Solitário 2 779 11/23/2009 - 20:12 Portuguese
Poesia/Meditation A Morte do Papai Noel e a Falência da Petrobrás 2 1.100 11/23/2009 - 20:19 Portuguese
Poesia/Meditation Tapete de Sangue 3 1.490 11/27/2009 - 14:52 Portuguese
Prosas/Drama Amor Esquecido 2 1.147 11/27/2009 - 15:13 Portuguese
Poesia/Meditation Febre Destruidora 1 531 11/30/2009 - 16:59 Portuguese
Poesia/Meditation Derrota Absoluta 3 6.558 12/01/2009 - 06:25 Portuguese
Poesia/Meditation Pobreza de Espírito 2 1.008 12/01/2009 - 06:35 Portuguese
Poesia/Comedy Merry Christmas! 3 1.075 12/04/2009 - 22:21 Portuguese
Poesia/Sadness Fótons Depressivos 1 1.274 12/31/2009 - 08:37 Portuguese
Poesia/Sadness O Doce Fica Amargo e os Dias Sem Paz 4 655 02/14/2010 - 00:44 Portuguese
Poesia/Sadness Metalurgia e a Burguesa 1 774 02/18/2010 - 14:15 Portuguese
Poesia/Sadness Metalurgia e a Burguesa 2 662 02/18/2010 - 17:16 Portuguese
Poesia/Meditation A Falência da Microsofit e os Cachorros Sarnentos 2 1.674 02/18/2010 - 18:04 Portuguese
Poesia/Meditation Lágrima de Deus 2 776 02/20/2010 - 19:23 Portuguese