"Minha longa espera"

Mais uma vez estou perdido dentre as flores.
Na imaginação transversal da loucura.
Perdido no espaço oculto,onde tudo não é apenas minha própria ilusão.
Escondendo e tentando fugir da mais obscura solidão.
Outra vez em um plano inexplicável.
Donde nunca deveria  de ter saído.
Pedidos de desculpas vêm e vão.
Mágoas nunca passaram.
Envolvo-me e me afundo nas coisas por medo.
Desloco e brigo para não mais sofrer.
Minha loucura me abafa ,meus ciúmes me destroem.
  E eu ,me escondo.
Perdendo apenas meu juízo.
Entristecendo-me aos poucos e me calando.
Com o coração sangrando vou levando a vida sem lagrimas.
Pois secaram e não sei mais como fazê-las voltar.
Constituindo-as em memórias.
Peço a D’us que me abençoe e que me tire desse sofrimento.
Pois a vida parece que esta me abortando,me jogando e castigando.
Um amor que não parece justo,pois tudo indica felicidade.
Um conjunto de alegrias revolta de tristezas.
E as perguntas que nunca terei respostas.
Ainda espero meu descanso,que nem sei quando vira.
Como uma criança a espera de um presente,assim espero minha morte.
Pois tudo isso quase não suporto mais.
Quando triste todos estiverem nada sentirei .
Ainda terei um desejo que esse levarei comigo.
Autor:Verton Brandino Da Silva
(20/05/2012)
Colatina ES

Submited by

Martes, Mayo 22, 2012 - 22:08

Poesia :

Sin votos aún

Verton Brandino da Silva

Imagen de Verton Brandino da Silva
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 8 semanas 15 horas
Integró: 04/13/2011
Posts:
Points: 976

Comentarios

Imagen de KeilaPatricia

Ficou muito bom... Gostei

Ficou muito bom...

Gostei bastante.

Abraço, ...)...(@

:)

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Verton Brandino da Silva

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/General "Reflexão de uma certa quinta!" 0 62 06/10/2021 - 00:11 Portuguese
Poesia/General "Amanhã pode ser tarde!" 0 146 05/19/2021 - 23:25 Portuguese
Poesia/Fantasía "Incógnita na tempestade!" 0 97 05/17/2021 - 12:53 Portuguese
Poesia/Dedicada "Quem sabe,formiga?" 0 86 05/17/2021 - 12:48 Portuguese
Poesia/Dedicada "Regando a felicidade!" 0 109 05/01/2021 - 10:35 Portuguese
Poesia/General "Contar-te-ei!" 0 168 04/10/2021 - 15:45 Portuguese
Poesia/Fantasía "Ex-calada! 0 144 04/08/2021 - 11:18 Portuguese
Poesia/General "Passa tempo!" 2 203 04/08/2021 - 11:17 Portuguese
Poesia/Desilusión "Com você!" 0 140 04/04/2021 - 13:00 Portuguese
Poesia/General "Versos em Papel!" 2 257 04/04/2021 - 12:27 Portuguese
Poesia/Desilusión "Partida!" 0 154 03/13/2021 - 12:03 Portuguese
Poesia/General "Foi sorte!" 0 227 03/02/2021 - 19:20 Portuguese
Poesia/General "Ter!" 0 177 02/21/2021 - 11:23 Portuguese
Poesia/Fantasía "O dia em que morri!" 0 202 02/19/2021 - 17:16 Portuguese
Poesia/Fantasía "Além!" 2 384 02/13/2021 - 01:34 Portuguese
Poesia/Pensamientos "Quem sabe!" 0 146 01/31/2021 - 01:52 Portuguese
Poesia/Fantasía "Onde estão?" 2 316 01/31/2021 - 01:46 Portuguese
Poesia/General "Indecisão!" 2 125 01/31/2021 - 01:43 Portuguese
Poesia/General "Anjo bom!" 0 170 01/25/2021 - 10:57 Portuguese
Poesia/General "Anjo sem asas!" 0 269 01/13/2021 - 19:37 Portuguese
Poesia/Pensamientos "Vai entender!" 0 223 01/08/2021 - 18:54 Portuguese
Poesia/General "MENSAGEM DE RÉVEILLON!" 0 191 12/31/2020 - 10:35 Portuguese
Poesia/Dedicada "Doce rio!" 0 315 11/20/2020 - 01:40 Portuguese
Poesia/Pasión "Tudo mudou!" 0 262 11/11/2020 - 16:00 Portuguese
Poesia/General "Não conto contos!" 0 258 10/26/2020 - 11:00 Portuguese