Queria tanto

Outra vez
As palavras são como martelos
A esmiuçar o meu ser
Fazendo-me soltar gritos
Que sente o meu coração…
Uma grande dor!

Golpes brutais
Dilaceram os meus sonhos
Aqueles que sempre tive com você.

O que abraça o meu corpo
É a agonia,
O medo de perder-te
E a saudade tomar conta de mim.

Liberte-me!
Solte-me dessas correntes
Que sejam golpeados os grilhões
Que prendem a minha alma.

O espelho revela-me
A dor que está em meus olhos
A infelicidade
Que transtorna-me silenciosamente.

Eu ainda te amo
Com aquele amor tão profundo
Que revela os meus olhos.

E eu queria tanto
Que seus olhos brilhassem para mim
Que visse o meu sentimento
E aceitasse-me junto a ti.

Andaria eu por toda terra
Saltando de alegria
Pela felicidade em encontrar-te.

Mas, todo esse esforço é vão
Se seus olhos já não estão aqui
Minhas palavras são soltas ao vento
Da desilusão...

Poema: Odair José, o Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

Miércoles, Mayo 16, 2018 - 01:59

Poesia :

Sin votos aún

Odairjsilva

Imagen de Odairjsilva
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 6 días 17 horas
Integró: 04/07/2009
Posts:
Points: 3944

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Odairjsilva

Tema Títuloordenar por icono Respuestas Lecturas Último envío Idioma
Prosas/Otros Cáceres 231 anos! 0 689 11/18/2010 - 22:51 Portuguese
Poesia/Alegria Cáceres em versos e reversos 0 648 07/14/2015 - 22:37 Portuguese
Poesia/Amor Cada minuto 1 391 07/13/2014 - 23:04 Portuguese
Poesia/Amor Cada minuto 0 470 09/12/2014 - 00:43 Portuguese
Poesia/Amor Cada verso é uma gota de suor 0 552 05/29/2014 - 19:23 Portuguese
Poesia/Meditación Cadáveres ambulante 1 2.040 06/23/2010 - 19:21 Portuguese
Poesia/Desilusión Caminhos 2 543 07/17/2010 - 22:23 Portuguese
Poesia/Desilusión Caminhos Diferentes 1 699 06/21/2009 - 06:32 Portuguese
Poesia/Canción Canção do não retorno 6 1.618 07/22/2009 - 19:46 Portuguese
Poesia/Desilusión Canção do não retorno 0 180 06/19/2019 - 22:28 Portuguese
Poesia/Tristeza Castigo ou maldade? 4 395 07/28/2009 - 12:38 Portuguese
Poesia/Pensamientos Catarse 0 668 07/23/2019 - 00:37 Portuguese
Poesia/Tristeza Cativo às amarras da saudade 1 621 05/12/2010 - 19:42 Portuguese
Poesia/Desilusión Cativo às amarras da saudade 0 254 02/04/2019 - 23:27 Portuguese
Poesia/Amor Chegada e partida 0 780 06/18/2011 - 00:32 Portuguese
Prosas/Pensamientos Cidade sem Cabaré 1 720 04/29/2010 - 20:35 Portuguese
Prosas/Contos Coisas do Amor 0 940 01/21/2011 - 20:01 Portuguese
Poesia/Amor Colapso 2 452 05/29/2014 - 19:12 Portuguese
Poesia/Canción Com você estar 0 85 10/24/2019 - 22:39 Portuguese
Poesia/Amor Como disfarçar este sentimento? 0 570 05/09/2015 - 00:36 Portuguese
Poesia/Canción Como Esquecer? 1 746 06/28/2009 - 04:57 Portuguese
Poesia/Amor Como não sorrir 1 1.308 04/04/2018 - 21:05 Portuguese
Poesia/Amor Como o sol do meio dia 0 639 07/05/2019 - 22:11 Portuguese
Poesia/Amor Como os ponteiros de um relógio 0 483 01/08/2016 - 18:03 Portuguese
Poesia/Canción Como senti sua falta 1 354 07/15/2010 - 13:55 Portuguese