Não diga nada

Não diga nada
Que este silêncio permaneça infinitamente
Nem ligo para as lágrimas
Quem garante que não seja fingimento
A dor que não existe nos seus olhos.
O grito do mundo
Ecoa firme em meus ouvidos
Que estão tapados pela violência
Causada pelo vacilo dos homens.
Cambaleia como ébrio
A esperança de futuro
Das almas-perdidas pelo tempo
Na escuridão da madrugada.
Não entendes as minhas palavras?
Como poderia entender?
A sabedoria não está neste barulho
Nem na euforia de sua falsa alegria.
Não diga nada
O meu silêncio não pode ser quebrado.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

Martes, Septiembre 3, 2019 - 23:25

Poesia :

Sin votos aún

Odairjsilva

Imagen de Odairjsilva
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 21 horas 34 mins
Integró: 04/07/2009
Posts:
Points: 4307

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Odairjsilva

Tema Título Respuestasordenar por icono Lecturas Último envío Idioma
Fotos/Perfil eu 0 1.553 11/24/2010 - 00:39 Portuguese
Poesia/Pasión Que sorriso lindo! 0 198 03/12/2020 - 01:53 Portuguese
Poesia/Tristeza Refúgio oculto 0 221 03/09/2020 - 22:50 Portuguese
Poesia/Pensamientos Coração apagado 0 179 03/03/2020 - 23:10 Portuguese
Poesia/Amor Nas asas do vento 0 780 01/21/2011 - 20:28 Portuguese
Poesia/Meditación Fizeram-me acreditar 0 598 01/21/2011 - 20:50 Portuguese
Prosas/Contos Coisas do Amor 0 946 01/21/2011 - 21:01 Portuguese
Poesia/Amor Se isso não for amor 0 395 01/23/2011 - 14:10 Portuguese
Poesia/Amor Você é mais do que os olhos podem ver 0 1.035 01/23/2011 - 14:19 Portuguese
Anúncios/Varios - En Venta Livros a Venda... 0 1.614 01/23/2011 - 14:41 Portuguese
Poesia/Amor Num piscar de olhos 0 886 01/25/2011 - 14:49 Portuguese
Poesia/Amor Invento seu sorriso onde ele não está 0 760 01/25/2011 - 14:53 Portuguese
Prosas/Pensamientos O Estrangulamento do Cotidiano 0 802 01/25/2011 - 14:56 Portuguese
Poesia/Amor O Amor que Sinto por Ti 0 763 01/27/2011 - 15:45 Portuguese
Poesia/Amor Nas asas do vento 0 1.312 01/27/2011 - 15:50 Portuguese
Poesia/Desilusión Insensato Coração 0 893 01/27/2011 - 15:55 Portuguese
Poesia/Amor Se ainda existe amor 0 1.338 02/01/2011 - 17:42 Portuguese
Poesia/Amor As três faces do amor 0 1.042 02/01/2011 - 17:55 Portuguese
Poesia/Desilusión Escuridão já vi pior 0 236 03/03/2020 - 00:10 Portuguese
Poesia/Amor Dimensão do amor 0 1.250 02/03/2011 - 13:58 Portuguese
Prosas/Pensamientos Vida social 0 1.590 02/09/2011 - 13:37 Portuguese
Poesia/Dedicada Homenagem a uma professora 0 753 05/02/2018 - 03:43 Portuguese
Poesia/Canción Nostalgia 0 569 05/01/2018 - 04:52 Portuguese
Prosas/Drama O estranho caso de Cindy 0 865 05/01/2018 - 04:15 Portuguese
Poesia/Pensamientos Crepúsculo dos deuses 0 640 04/29/2018 - 05:03 Portuguese