MATÉRIA IMATERIAL

É triste viver o presente
passado sem ninguém ao lado.
Com o destino traçado
amor futuro está ausente.

É triste sentir que persiste
a dor que reside em teu peito
mas como nem tudo é perfeito
respeito o que em ti existe.

É certo ser a tua presença
a diferença com que me enfeito
e sei que tens muito a meu jeito
mesmo sabendo a tua sentença.

É certo que foi este o recado
do fado cantado ao despique,
porém quero que se clarifique
que amar nunca foi pecado.

E com um amor tão forte
não há lado certo ou errado,
não há nem azar nem sorte,
presente, futuro ou passado.
 

Submited by

Martes, Febrero 8, 2011 - 13:29

Poesia :

Sin votos aún

Patrícia Taz

Imagen de Patrícia Taz
Desconectado
Título: Moderador Consagrados
Last seen: Hace 31 semanas 3 días
Integró: 04/04/2009
Posts:
Points: 650

Comentarios

Imagen de MarneDulinski

MATÉRIA IMATERIAL"

PaTaz!

 

Lindo seu poema!

Em tudo na vida o amor é que impera!

Meus parabéns.

MarneDulinski

Imagen de Patrícia Taz

Marne, O amor é o que me

Marne,

O amor é o que me move nesta vida meio perdida,

entre o bulício e a amalgama de gente, gazeada e

indiferente.

Obrigado por me leres, querido Marne!

 

Beijo enrolado numa onda do Oceano que nos separa.

Imagen de Susan

Destaco : E com um amor tão

Destaco :

E com um amor tão forte
não há lado certo ou errado,
não há nem azar nem sorte,
presente, futuro ou passado.

 

Belo findar de poema forte e imponente !!!!!

beijos

Susan

Imagen de Patrícia Taz

Susan, Agrada-me que tenha

Susan,

Agrada-me que tenha gostado da leitura.

Obrigada pela sua visita, :o)

Bjos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Patrícia Taz

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/Amor POEMA INACABADO 5 1.379 03/19/2013 - 03:16 Portuguese
Poesia/General ALQUIMIA DA ESCRITA 25 2.116 01/22/2012 - 15:47 Portuguese
Poesia/Dedicada SORVO POÉTICO 24 1.729 01/22/2012 - 15:41 Portuguese
Poesia/Intervención (A)NORMALIDADE DO CÃO QUE O DIABO AMASSOU 18 1.368 06/27/2011 - 17:32 Portuguese
Poesia/Dedicada PERFIL DE VIAGEM 7 994 03/29/2011 - 17:18 Portuguese
Poesia/Intervención CONVERSA DE CAMARADAS, PÁ? 3 1.159 03/19/2011 - 23:33 Portuguese
Poesia/Intervención DILEMA OPRIMIDO 8 1.065 03/16/2011 - 16:44 Portuguese
Poesia/Desilusión SOLTA-SE O FIO DA VIDA LÁ DENTRO 8 1.449 02/28/2011 - 16:07 Portuguese
Fotos/Otros Facto Binário 0 1.497 02/20/2011 - 00:39 Portuguese
Poesia/Dedicada POEJET Intercontinental 4 1.212 02/18/2011 - 13:40 Portuguese
Poesia/Canción LEITO DA SAUDADE 8 1.266 02/18/2011 - 12:11 Portuguese
Poesia/Amor VALSA DOS CORVOS 4 879 02/18/2011 - 02:04 Portuguese
Fotos/Paisaje A Sun's Glance 2 2.208 02/16/2011 - 01:37 Inglés
Poesia/Fantasía VOO DE SONHO 5 964 02/11/2011 - 15:58 Portuguese
Poesia/Canción MATÉRIA IMATERIAL 4 1.050 02/11/2011 - 11:05 Portuguese
Fotos/Perfil 1249 0 1.403 11/24/2010 - 00:38 Portuguese
Poesia/Soneto SOBREVIVENTES 0 999 11/17/2010 - 23:42 Portuguese
Poesia/Erótico FOTO A PRETO E BRANCO 0 925 11/17/2010 - 23:40 Portuguese
Poesia/Poetrix MATÉRIA IMATERIAL 1 691 08/07/2010 - 14:20 Portuguese
Poesia/Amistad O AVESSO DO INVERSO 2 923 06/08/2010 - 23:18 Portuguese
Poesia/General MAÇO DE NOTAS 1 921 04/23/2010 - 00:17 Portuguese
Poesia/Amor ARLEQUIM 8 1.126 04/20/2010 - 16:13 Portuguese
Poesia/Pasión CHUVAS DE MARÇO 4 891 04/10/2010 - 04:20 Portuguese
Poesia/Pasión COBERTA DE HISTÓRIAS 5 916 04/09/2010 - 19:14 Portuguese
Poesia/Amor PROJECÇÕES 4 464 04/01/2010 - 02:37 Portuguese