Correntes Vadias e as Musas do Tempo

Secaram as nascentes que alimentavam as rosas
Esqueceram-se dos rios que transbordam o meu jardim
Um amor carpido nos caminhos do céu
Pinta as novas flores em folhas de jasmim

Já repicam os sinos...
À terceira badalada acordam as estrelas
As fases lunares são musas do tempo
Serenatas mistas...regalo dos mares
Perdem-se neste rio sem fim

Abrem-se as cores de um novo céu
Quebra-se o encanto
Devaneios e loucuras são um sonho errante
Avista-se daqui a simulação do desejo
Reparte com o mundo a melhor fracção do momento

Abrigo-me no deserto do tempo
E a água das rosas perde-se nas areias movediças
Beijos lunares carecidos de afectos
Molham-me a face rosada
Traem-se no seu genuíno anseio

Centelhas vazias amansam o calor da emoção
Amores que se espantam
E cios agonizam nos momentos de silêncio
O espírito acorda o perfume das rosas
Um jardim que se encanta com poemas e prosas

Adormecem os ecos do vento que passa
Amaciam as roseiras em flor
Quebra-se esta monotonia
E a corrente de beijos
Corre vadia...rega as pétalas da sede de amor

Dolores Marques

Submited by

Martes, Noviembre 25, 2008 - 16:26

Poesia :

Sin votos aún

ÔNIX

Imagen de ÔNIX
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 8 años 19 semanas
Integró: 03/26/2008
Posts:
Points: 4027

Comentarios

Imagen de Henrique

Re: Correntes Vadias e as Musas do Tempo

Abrigo-me no deserto do tempo
E a água das rosas perde-se nas areias movediças
Beijos lunares carecidos de afectos
Molham-me a face rosada
Traem-se no seu genuíno anseio...

Um poema escrito com alma!

:-)

Imagen de ConceiçãoBernardino

Re: Correntes Vadias e as Musas do Tempo

Dolores continuas a escrever metáforas nas minhas palmas da mão.

Adorei

Bj

Imagen de JillyFall

Re: Correntes Vadias e as Musas do Tempo

o teu poema tem perfume de flores...

bjs

Imagen de zizo

Re: Correntes Vadias e as Musas do Tempo

Fenomenal Dolores!
Adorei as imagens encantadoras em jeito de adeus carinhoso.

Beijo

Imagen de MariaSousa

Re: Correntes Vadias e as Musas do Tempo

Fantasias poéticas em palavras reais e belas.

Gostei muito.

Bjs

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of ÔNIX

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Fotos/Caras Véus 1 1.211 08/01/2010 - 03:34 Portuguese
Fotos/Caras Perfil 2 843 08/01/2010 - 03:33 Portuguese
Fotos/Cuerpos Rita 1 754 08/01/2010 - 03:27 Portuguese
Fotos/Cuerpos Rita 1 957 08/01/2010 - 03:27 Portuguese
Prosas/Otros Dimensões I - Amor 1 1.241 07/22/2010 - 23:21 Portuguese
Poesia/Meditación Até que me oiçam...sonho 6 446 07/22/2010 - 14:48 Portuguese
Poesia/Meditación Luminescência 8 1.327 07/22/2010 - 14:47 Portuguese
Prosas/Otros As palavras que sempre te direi... 4 609 07/19/2010 - 17:11 Portuguese
Prosas/Romance Também gostava de me ser assim...no ir 2 544 07/14/2010 - 12:23 Portuguese
Poesia/Meditación Nem Terra, Nem Céu e Nem Nada 3 410 07/10/2010 - 13:24 Portuguese
Poesia/Meditación Uivos famintos dos sem terra, sem pão 2 633 07/08/2010 - 14:27 Portuguese
Poesia/Meditación Testemunhos 3 653 07/04/2010 - 13:28 Portuguese
Poesia/Amor E eu, Amor, beijo-te 3 680 07/02/2010 - 15:19 Portuguese
Poesia/Meditación Nada, é Nada 3 328 06/18/2010 - 23:05 Portuguese
Poesia/Dedicada Morrer É Ponto Certeiro (ao José Saramago) 1 768 06/18/2010 - 19:50 Portuguese
Poesia/Meditación Só Mínguas de Sonhos 3 525 06/16/2010 - 17:36 Portuguese
Poesia/Amor E Nos Tomaremos Meio por Meio 2 530 06/09/2010 - 09:58 Portuguese
Poesia/Meditación Loucos, São Todos os Loucos 4 482 06/09/2010 - 09:54 Portuguese
Poesia/Meditación Estreitando Laços 3 539 06/08/2010 - 23:44 Portuguese
Poesia/Meditación É Urgente 4 636 06/08/2010 - 22:07 Portuguese
Prosas/Otros Dormi mal, tenho os olhos a doer, e como te disse, estou uma "merda" hoje 4 1.577 06/02/2010 - 17:28 Portuguese
Prosas/Cartas Gosto da sensação do toque e de saber que não estou só 5 1.337 06/02/2010 - 17:22 Portuguese
Prosas/Romance Momentos especiais saídos do fundo das memórias 0 967 06/02/2010 - 17:10 Portuguese
Prosas/Romance Becos Sem Saída 1 531 05/15/2010 - 05:25 Portuguese
Poesia/Meditación Imenso, Imensamente, Adequadamente 0 496 05/15/2010 - 03:39 Portuguese