CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

¿Quien soy yo?

Eu sou aquele que cobre os teus olhos
quando a nuvem negra vem o céu sombrear.
Eu sou aquele que acende as estrelas
quando à noitinha te preparas pra deitar.

Eu sou aquele que se ajoelha ao teu lado
quando aos pés da cama te pões a rezar.
Eu sou aquele que vela sempre o teu sono
enquanto os anjos não vêm pra te guardar.

Eu sou aquele que cedo abre a cortina
para no teu quarto a claridade penetrar.
Eu sou aquele que desembaça teu espelho
para após o banho teus cabelos pentear.

Eu sou aquele que se embriaga em teu cheiro
e que te admira como és, e nada quer mudar.
Eu sou aquele que, em todos esses anos,
esteve ao teu lado apenas para te amar.

.....................................................................

¿Quien soy yo?

  Yo soy el que cubre tus ojos
cuando la nube negra oscurece el cielo.
Soy el que enciende las estrellas
cuando te preparas para acostarte por la noche.

Soy quien se arrodilla a tu lado
cuando al pie de la cama empiezas a rezar.
Yo soy el que siempre cuida tu sueño
mientras que los ángeles no vienen a cuidarte.

Soy quien abre la cortina temprano
para que la luz penetre en tu habitación.
Yo soy quien limpia tu espejo
para peinarte después del baño.

Yo soy el que se emborracha com tu olor
y quien te admira como eres, y nada quiere cambiar.
Yo soy quien, en todos estos años,
estaba a tu lado solo para amarte.

J. Thamiel
Guarulhos, 25.01.2020
09: 22h

Submited by

sábado, janeiro 25, 2020 - 13:04

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 horas 45 minutos
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 3571

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALINNA 0 57 05/05/2021 - 16:46 Português
Poesia/Geral O POETA FERIDO 3 270 04/22/2021 - 20:43 Português
Poesia/Desilusão AGORA É SAUDADE 0 212 04/21/2021 - 15:14 Português
Poesia/Fantasia H A R M O N I A 4 304 04/07/2021 - 15:39 Português
Poesia/Geral A CHUVA MOLHA AS ALMAS DISTRAÍDAS 0 202 04/03/2021 - 16:13 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALLINA 0 187 03/11/2021 - 18:39 Espanhol
Poesia/Geral R E F L E X Ã O DE U M A G A L I N H A 0 310 03/11/2021 - 17:38 Português
Poesia/Desilusão D E S T I N O 0 425 03/10/2021 - 13:24 Português
Poesia/Fantasia R E V E R Ê C I A 0 479 02/28/2021 - 19:01 Português
Poesia/Amor PERDIDOS NO TEMPO 0 327 02/25/2021 - 22:55 Português
Poesia/Poetrix GUARULHOS HOJE 0 714 02/23/2021 - 20:03 Português
Poesia/Amor O MAIS BELO POEMA FEITO PARA VOCÊ 0 375 02/18/2021 - 20:19 Português
Poesia/Amor TUA BELEZA 0 225 02/15/2021 - 13:49 Português
Poesia/Amor O ETERNAMENTE 0 314 02/15/2021 - 12:39 Português
Poesia/Amor UMA ILUSÃO LETAL 1 333 02/13/2021 - 20:20 Português
Poesia/Geral JOSÉ DE TAL 1 138 02/10/2021 - 22:42 Português
Poesia/Geral CORAL DE MARMANJOS 1 201 02/10/2021 - 22:27 Português
Poesia/Geral E, AS VACAS ? 1 223 02/10/2021 - 22:20 Português
Poesia/Geral PORQUE ME TORNEI POETA 4 328 02/10/2021 - 12:36 Português
Poesia/Amor FLORES DE HORTELÃ 0 216 02/05/2021 - 23:55 Português
Poesia/Haikai VENTO ANDALUZ 0 255 02/05/2021 - 18:27 Português
Poesia/Fantasia SOLIDÃO - (Rimas interpoladas) 3 295 02/04/2021 - 10:24 Português
Poesia/Fantasia TROAM TROVAS TRIVIAIS 0 257 02/03/2021 - 20:44 Português
Poesia/Desilusão SONHO PERDIDO - (ensaio de rimas) 0 220 02/03/2021 - 18:56 Português
Poesia/Geral PALAVRA NÃO IMPRESSA 3 331 02/02/2021 - 17:12 Português