CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

À LAREIRA DA FÉ




À lareira da fé

 

Sentados à lareira da fé,

Estão alguns e outros de pé,

Ouvindo palavras soltas,

Andam pela cabeça às voltas,

Uns ouvem com atenção,

Enquanto outros baixam a mão,

Estão ali apenas a ouvir,

À lareira da fé, à espera de sair.

 

Os que estão sentados falam,

Os que estão em pé se calam,

Palavras vão ouvindo,

Mas nada vão sentindo,

À lareira aquecem a fé,

E ninguém arreda pé,

Uns fingem e outros não,

Que estão com atenção.

 

Privilegiados da fé estão sentados,

E os de pé estão desconfiados,

Que a fé é o dinheiro,

Para os sentados primeiro,

As mentiras vão ouvindo,

E ao mesmo tempo saindo,

A lareira não os aquece,

E a sua fé arrefece.

 

Mas como foram convidados,

Continuam ouvindo os sentados,

Que não merecem a cadeira,

Que fica junto à lareira,

O calor é só para os privilegiados,

Que à lareira da fé estão sentados,

Enquanto os outros passam frio,

Ouvindo palavras a fio.

 

Afinal a fé não é igualdade,

Na lareira da equidade,

Os tristes ficam de fora,

Sem calor se vão embora,

A fé não se faz à lareira,

Tem de tomar a dianteira,

Com frio ou com calor,

Assim se espalha o amor.

 

 

Tavira, 21 de Junho de 2011-Estêvão

Submited by

sábado, julho 20, 2013 - 12:28

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 dias 15 horas
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7732

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 2 415 02/24/2019 - 17:15 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 342 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 303 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 763 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 966 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 949 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 776 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 1.058 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.153 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 552 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 663 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 755 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 728 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 773 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 843 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 655 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 767 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 617 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 672 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 716 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 756 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 1.518 12/21/2016 - 10:58 Português
Poesia/Amor O BARCO DOS NOSSOS SONHOS 1 1.328 12/15/2016 - 14:05 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 0 775 12/07/2016 - 12:16 Português
Poesia/Amor RECORDANDO 0 699 12/07/2016 - 12:01 Português