CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

“VESTE DE VENTO”

Uma prisão sem janelas,

Onde o corpo, preso, liberta o vapor;

Fantasma de esperança, no lugar delas…

Libertando, do corpo, traços e dor

Com a importância atribuída à poesia,

Que desse vapor, parte faria.

 

Abre-se o poema, coração de artista

Pétala de dor, porta de sentimento

Voz de poeta, máscara realista

Flor silvestre vestida de vento.

***

Submited by

sexta-feira, abril 1, 2011 - 01:20

Poesia :

No votes yet

antonioduarte

imagem de antonioduarte
Offline
Título: Moderador Poesia
Última vez online: há 12 semanas 23 horas
Membro desde: 01/09/2010
Conteúdos:
Pontos: 2570

Comentários

imagem de antonioduarte

"Agradecendo o poder de desejar"

É grande o prazer com que reparto.

Quero, aqui, agradecer  todos os comentários e enviar, aos quantos, um abraço fraterno.

Muito obrigado.

 

( Que as flores botem seus perfumes 

Nas essências de cada coração

Em Primaveras e costumes

Inspirados de mão-em-mão

Que o Mundo erga seu estandarte

Da voz branca que aqui jaz

Que eu, do peito, venho falar-te

Do branco:

- Aquele branco da Paz.)

 

Saúde.

imagem de MarneDulinski

“VESTE DE VENTO”

Linda poesia, que se solta no éter!

Meus parabéns,

MarneDulinski

imagem de SuzeteBrainer

Um poema sublime! Onde as

Um poema sublime!

Onde as palavras nascem da grande fonte: A poesia em sua essência.

Gostei muitosmiley

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of antonioduarte

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Prosas/Cartas «… Fui Feliz?» 0 1.578 08/03/2012 - 00:22 Português
Poesia/Arquivo de textos “Morte ou verdade” 0 379 08/03/2012 - 00:14 Português
Poesia/Intervenção “Apupo” 1 760 07/15/2012 - 18:48 Português
Poesia/Meditação “Caindo com Glória” 0 358 07/06/2012 - 02:00 Português
Poesia/Arquivo de textos “Sejam pecados” 2 702 07/04/2012 - 12:29 Português
Poesia/Desilusão “Amor? Ou Vontade nas entranhas” 1 613 07/03/2012 - 11:19 Português
Poesia/Pensamentos “Tal Vez…” 0 595 07/01/2012 - 03:52 Português
Poesia/Arquivo de textos “Elevação Equivoca” 0 637 06/29/2012 - 01:39 Português
Poesia/Arquivo de textos “A Oriente” 1 553 06/28/2012 - 01:51 Português
Poesia/Geral “Por além, onde a terra fica calada" 2 449 06/25/2012 - 01:42 Português
Poesia/Geral “Já me sobra nos olhos o desígnio dos versos 2” 0 388 06/25/2012 - 01:33 Português
Poesia/Arquivo de textos “Sentindo” 1 940 06/23/2012 - 17:20 Português
Poesia/Geral “Tempestade no olhar” 0 873 06/22/2012 - 00:42 Português
Poesia/Geral “Mágoa” 6 785 06/22/2012 - 00:38 Português
Poesia/Geral “Leva-me… Oh Vento” 1 596 06/14/2012 - 00:57 Português
Poesia/Geral “Não posso ficar” 0 379 06/12/2012 - 00:37 Português
Poesia/Geral “Sonhei, muitas luas como consolo” 3 561 05/21/2012 - 09:22 Português
Poesia/Geral “No derrame dos desejos ” 0 721 05/14/2012 - 23:58 Português
Poesia/Desilusão “Já me sobra nos olhos o desígnio dos versos 1” 0 1.264 05/09/2012 - 09:40 Português
Poesia/Geral “Oito Rimances” 0 475 05/06/2012 - 00:20 Português
Poesia/Tristeza “Amor inerente” 2 439 05/06/2012 - 00:13 Português
Fotos/Monumentos No silêncio da voz 0 1.139 05/04/2012 - 18:33 Português
Poesia/Geral “Na Boca da Saudade” 2 449 05/03/2012 - 01:12 Português
Poesia/Meditação “Com vertendo” 0 475 05/03/2012 - 00:00 Português
Poesia/Geral “Fluindo, no horizonte de mim” 2 442 05/02/2012 - 23:36 Português