CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Castelos de ilusões

Assola-me o teu corpo endiabrado qual vulcão
Que me asfixia numa sã e energética loucura
Relembro o toque da tua pele
O sabor quente da tua boca feita doçura!

Passeio por castelos de antepassados remotos
Adivinho-lhes a existência dura e cruel
Também a minha existência é feita de nuvens que choram
Trazendo com elas, ao longe na planície o fel!

Vidas feitas de efémero algodão doce
Almas de olhos no chão implorando perdão
Quero ser ave solta que não tem caminho de regresso
Recuso-me a cair de novo nas teias da ilusão!

Ergo os braços ao vento soltando ecos
Meus olhos alcançam a planície para além da tempestade
Só tu não me sais do pensamento
Ficarás para sempre com o nome de saudade!

Submited by

quinta-feira, setembro 4, 2008 - 08:04

Poesia :

No votes yet

AnaMaria

imagem de AnaMaria
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 37 semanas
Membro desde: 05/14/2008
Conteúdos:
Pontos: 431

Comentários

imagem de Henrique

Re: Castelos de ilusões

Um poema com arte, razão e sentimento!!!

:-)

imagem de mariamateus

Re: Castelos de ilusões

Vidas feitas de efémero algodão doce
Almas de olhos no chão implorando perdão
Quero ser ave solta que não tem caminho de regresso
Recuso-me a cair de novo nas teias da ilusão!

Intenso,este seu desabafo.
estou sensibilizada, ;-)
entendo tão bem o que sente,

Adorei!!!

Bjo

imagem de zizo

Re: Castelos de ilusões

Um hino à sua poesia AnaMaria.
Belo!
Bjs

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AnaMaria

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Amor e paixão 5 592 02/19/2012 - 12:00 Português
Videos/Perfil 135 0 833 11/24/2010 - 21:48 Português
Fotos/ - 367 0 782 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - 360 0 866 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - 359 0 807 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - 366 0 959 11/23/2010 - 23:35 Português
Poesia/Meditação Castelos de ilusões 3 426 02/27/2010 - 20:32 Português
Poesia/Tristeza Ausência 6 529 02/27/2010 - 19:16 Português
Poesia/Tristeza Lua de afectos 4 503 02/27/2010 - 19:10 Português
Poesia/Desilusão Bússula esquecida 6 494 02/27/2010 - 18:37 Português
Poesia/Meditação Desventura 3 504 02/27/2010 - 18:33 Português
Poesia/Meditação Veias de sangue e tinta 2 448 02/27/2010 - 15:21 Português
Poesia/Tristeza Caminhar 4 508 02/27/2010 - 14:37 Português
Poesia/Aforismo Ablução 5 592 02/26/2010 - 18:18 Português
Poesia/Dedicado Perdoa! 4 596 02/26/2010 - 17:54 Português
Poesia/Amor O esvoaçar da tua voz 3 363 02/26/2010 - 17:20 Português
Poesia/Paixão Quebra-cabeças 4 304 02/26/2010 - 17:08 Português
Poesia/Tristeza Vida inacabada 2 419 02/26/2010 - 17:02 Português
Poesia/Dedicado Beijo de liberdade 3 483 02/26/2010 - 13:49 Português
Poesia/Amor Saudades do teu abraço 3 384 02/26/2010 - 13:46 Português
Poesia/Amizade Só a mim pertenço!... (Vony Ferreira e Ana Maria Oliveira) 4 448 02/26/2010 - 13:44 Português
Poesia/Meditação Silêncio e paz 4 425 02/26/2010 - 13:38 Português
Poesia/Dedicado Se um dia... Mulher! 3 533 02/26/2010 - 13:31 Português
Poesia/Dedicado Perdão 2 438 02/26/2010 - 13:27 Português
Poesia/Amizade Repousa no meu ombro 2 648 02/26/2010 - 13:23 Português