CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Como criança...

Um dia eu decidi mudar o que estava errado e aprendi que não é tão fácil
Nem tão simples, como deveria ser
Queria escrever coisas lindas e desenhar no muro da escola
Mas não tive coragem pra fazer
Então pensei que poderia realizar os meus sonhos, e sonhar
Mas percebi que a minha imaginação ia além, era maior que os meus sonhos
Um pouco de mim queria se aventurar por ai, sem rumo, sem medo em busca de algo novo, desconhecido
Como criança eu desejei ir além, sonhar, fantasiar, desejar
Era como voar
Ter asas,  ser livre
E desafiar o desconhecido
Não tive medo de cair, nem de chorar
Eu estava ali, bem ali em quaquer lugar
Era eu tentando entender o mundo
E descobrir o que a vida preparava pra mim
Sem voltas, percorri o meu destino
E sem saber, vi o que não deveria ter visto
O mundo real
Aquele que dói
E que muitos chamam de vida!
Vida está que busco entender em seus mínimos detalhes
E recorrer o que eu ainda não entendo
O sentido da vida
Este final’

 

Submited by

sábado, novembro 12, 2011 - 19:03

Poesia :

No votes yet

Kyra

imagem de Kyra
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 15 semanas
Membro desde: 01/26/2010
Conteúdos:
Pontos: 471

Comentários

imagem de Jorge Humberto

Com olhos limpos de criança..

Com olhos limpos de criança a vida parecerá menos opressora... e escrever é uma libertação que nos faz entendermo-nos melhor e aceitar os outros, com todos os seus defeitos e qualidades.
 

Beijinhos
Jorge Humberto

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Kyra

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Sentir 0 413 11/19/2014 - 23:37 Português
Poesia/Geral Recomeçar 0 349 11/19/2014 - 22:32 Português
Poesia/Geral Escuchame 1 974 11/22/2013 - 00:08 Espanhol
Poesia/Geral Apenas sigo 0 372 04/02/2013 - 23:29 Português
Poesia/Geral Deixe-me ser... 0 478 04/02/2013 - 23:25 Português
Poesia/Tristeza Olá! 1 580 07/07/2012 - 20:49 Português
Poesia/Geral Vento 1 831 03/24/2012 - 18:36 Português
Poesia/Geral Um dia a mais... 2 614 03/17/2012 - 17:40 Português
Poesia/Geral Como criança... 1 708 02/18/2012 - 15:08 Português
Poesia/Geral Melhor deixar assim 0 1.274 10/15/2011 - 03:10 Português
Videos/Poesia Espelho 0 1.266 08/25/2011 - 02:09 Português
Videos/Poesia Espelho 0 1.605 08/25/2011 - 02:09 Português
Videos/Poesia Entre dois mundos 0 2.011 08/24/2011 - 19:29 Português
Videos/Poesia Quando tudo termina... 0 1.267 08/24/2011 - 19:25 Português
Videos/Poesia Porque... 0 1.635 08/22/2011 - 18:27 Português
Videos/Poesia Vento 0 2.036 08/22/2011 - 18:17 Português
Videos/Poesia Latência 0 1.444 08/20/2011 - 02:05 Português
Videos/Poesia Incerteza 0 1.732 08/19/2011 - 23:28 Português
Videos/Poesia Sem sentido 0 1.663 08/19/2011 - 23:15 Português
Poesia/Desilusão Jardim 0 1.036 08/06/2011 - 00:25 Português
Poesia/Geral Assim... 1 1.050 06/30/2011 - 22:40 Português
Poesia/Geral Latência 2 1.001 06/28/2011 - 02:06 Português
Poesia/Geral Sem saber... 0 867 06/26/2011 - 23:30 Português
Poesia/Geral Aonde está você 1 878 02/22/2011 - 01:03 Português
Poesia/Geral Sem sentido 1 1.022 02/19/2011 - 21:22 Português