CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

De mim só terá a saudade

Quiseras, de alguma forma, provocar-me
Caminhando de forma até imponente;
Querias mostrar que estavas ali
E que me sentisse um impotente.

Dentro de mim eu sorri.
Aquele amor já não mais existe
Estou navegando outros mares
E já não me sinto tão triste.

Seus olhos procuravam os meus
Desejavas ver a minha felicidade
Sabe que outra já tomou o seu lugar
E você, de mim, só terá a saudade.

Levantei-me de onde me encontrava
E fui em direção aquele amor
Que me acolheu no momento de solidão
E que, agora, é a minha linda flor.

Linda e deslumbrante
Ela me acolheu em seu coração
Tenho o carinho que sempre procurei
E já não vivo na ilusão.

Que você siga o seu caminho
E que encontre amor de verdade
Só não adianta querer me provocar
Já encontrei a minha felicidade.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

quarta-feira, setembro 23, 2020 - 18:57

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 7 horas 54 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 8592

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos Não tenho tempo a esperar 3 224 07/18/2022 - 12:46 Português
Videos/Poesia Tirado do fundo do poço - Vídeo 0 106 07/17/2022 - 15:41 Português
Videos/Poesia Onde estão todas as crianças perdidas? 0 245 07/16/2022 - 15:40 Português
Poesia/Intervenção Onde estão todas as crianças perdidas? 3 202 07/15/2022 - 18:56 Português
Poesia/Meditação Tirado do fundo do poço 3 158 07/15/2022 - 13:39 Português
Poesia/Alegria A sublime alma do poeta 3 231 07/14/2022 - 13:44 Português
Poesia/Amor Escrevo e descrevo minh'alma 5 343 07/14/2022 - 13:43 Português
Poesia/Desilusão A cama que sonhava 3 143 07/13/2022 - 13:36 Português
Poesia/Meditação Nos porões 3 147 07/12/2022 - 14:47 Português
Poesia/Meditação O caminho percorrido até aqui 3 156 07/11/2022 - 20:15 Português
Poesia/Intervenção A ideologia do mito 3 321 07/11/2022 - 13:55 Português
Poesia/Amor Amor impossível, possível amor 3 223 07/08/2022 - 21:56 Português
Poesia/Intervenção A chegada do estranho 3 155 07/08/2022 - 20:25 Português
Poesia/Amor O melhor sonho 3 156 07/07/2022 - 19:24 Português
Poesia/Meditação Os poetas ainda são crianças 3 124 07/06/2022 - 23:58 Português
Poesia/Intervenção Brigar por justiça e por respeito 3 227 07/06/2022 - 19:46 Português
Poesia/Intervenção Quem disse que quero endireitar o mundo? 3 121 07/06/2022 - 19:42 Português
Poesia/Meditação Não deixe de falar o que sente 3 132 07/05/2022 - 22:43 Português
Poesia/Meditação Os horrores do meu esforço secreto 3 111 07/04/2022 - 19:34 Português
Poesia/Desilusão Quem pede desculpas 3 154 07/04/2022 - 12:14 Português
Poesia/Fantasia Perdido entre tantos lugares ou uma noite no Café Nice 3 170 07/02/2022 - 02:00 Português
Poesia/Pensamentos Não deixe de falar o que sente 3 205 06/30/2022 - 21:57 Português
Poesia/Amor Sentir nos lábios 3 400 06/30/2022 - 21:54 Português
Poesia/Pensamentos Faz de conta 3 106 06/29/2022 - 19:59 Português
Poesia/Intervenção O regresso a inevitável casa 3 150 06/28/2022 - 20:10 Português