CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

DESPEDIDA

Despedida é sofrimento
Pra quem fica ou vai embora
Quando é chegada a hora
Da tão temida partida
Seja em morte, seja em vida
De quem vai pra não voltar
Quem fica ou vai, vai chorar
Se não for vazio seu peito
E não tiver outro jeito
A não ser ir ou ficar

Mas pode ser alegria
Essa mesma despedida
De alguém que de sua vida
Quer ver outro alguém distante
Que tão logo siga avante
Para alívio no ambiente
De quem finge estar contente
Mas quer que logo vá embora
E até simula que chora
Quando a perda é permanente

São coisas dO ser humano
E dele se espera tudo
Mas não dá pra ficar mudo
Nem ver como novidade
A terrível realidade
Que até mentira parece
Pois é coisa que acontece
Em qualquer lugar do mundo
Escondida em falso fundo
De alguém que ninguém merece.

Sérgio da Silva Teixeira
BAGÉ/RS/BRASIL.

Submited by

sábado, julho 4, 2020 - 21:40

Poesia :

No votes yet

Sérgio Teixeira

imagem de Sérgio Teixeira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 20 horas 47 minutos
Membro desde: 01/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 500

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Sérgio Teixeira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral O PÃO E A LETRA 2 262 04/21/2021 - 23:20 Português
Poesia/Geral PERIGO REAL E IMEDIATO 2 219 04/08/2021 - 15:09 Português
Poesia/Geral A DERROTA DA MORTE 2 249 04/07/2021 - 15:46 Português
Poesia/Fantasia ETERNA INFÂNCIA 0 133 03/08/2021 - 01:19 inglês
Poesia/Geral PLANOS PARA O FUTURO 1 459 02/28/2021 - 11:18 Português
Poesia/Soneto SONETO DO MORTO VIVO 2 637 01/27/2021 - 17:26 Português
Poesia/Geral DÉCIMAS DO ATORMENTADO 2 246 01/27/2021 - 16:16 Português
Poesia/Soneto SONETO ANTAGÔNICO 3 415 01/27/2021 - 16:13 Português
Poesia/Geral DESEJO DE MORTE 4 178 01/24/2021 - 23:24 Português
Poesia/Geral DÉCIMAS DA PANDEMIA 1 366 12/04/2020 - 13:03 Português
Poesia/Soneto SONETO DA ESCURIDÃO 2 338 10/30/2020 - 12:15 Português
Poesia/Geral POEMA DO HOMEM INVISÍVEL 0 293 10/10/2020 - 20:45 Português
Poesia/Soneto SONETO À ESPERANÇA 1 265 09/21/2020 - 13:05 Português
Poesia/Geral DESPEDIDA 0 382 07/04/2020 - 21:40 Português
Poesia/Geral POR UNS E OUTROS MOTIVOS (RACISMO) 3 640 06/16/2020 - 21:07 Português
Poesia/Geral SOMOS TODOS IGUAIS (?) 2 673 05/25/2020 - 21:23 Português
Poesia/Geral O CANTAR DO MEU SILÊNCIO 2 541 05/06/2020 - 16:26 Português
Poesia/Soneto SONETO ÀS FLORES DA SEXTA-FEIRA SANTA 0 526 04/10/2020 - 16:10 Português
Poesia/Geral DÉCIMAS DO MAL QUE FEZ A PAZ MUNDIAL 2 619 03/27/2020 - 01:51 Português
Poesia/Geral ANALISTA DE MIM MESMO 0 471 03/17/2020 - 14:38 Português
Poesia/Soneto SONETO DA EXPERIÊNCIA 0 580 02/17/2020 - 17:52 Português
Poesia/Soneto SONETO DO ACASO 0 584 02/07/2020 - 11:45 Português
Poesia/Geral INÚTIL SABER (DÉCIMAS) 0 642 01/22/2020 - 22:41 Português
Fotos/Pessoais LIVRO RECENTE 0 763 01/05/2020 - 14:06 Português
Fotos/Pessoais LIVRO RECENTE 0 1.046 01/05/2020 - 13:59 Português