CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

DO AMOR DECLARADO

DO AMOR DECLARADO

tem pátina velha as palavras de amor
desta férrea declaração de sentidos
mão forjada no fogo fel amargor
dos sentimentos esquecidos

por mais que a buril o pensamento
do cinzel gasto de lembranças
há lascas perdidas pelo tempo
como cacos velhos de faianças

o amor ah o amor assim perdido
não lembra esculpir tal sentir
esbotenado assim ferido
na hora insana de o partir

entrelinhas como se fora de papel
adivinhando quem o sente e subentende
escrito rasgo a queimar à flor da pele
lavra de fogo coração de quem o sente

dos cinco sentidos o amor declarado
chama acesa de delírios inconfessos
temperamental torpor inominado
de tantos martírios perversos

musa

Submited by

quinta-feira, dezembro 19, 2013 - 12:53

Poesia :

No votes yet

musarenascentista

imagem de musarenascentista
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 18 semanas
Membro desde: 05/05/2011
Conteúdos:
Pontos: 1076

Comentários

imagem de angelofdeath

poema

Mais uma vez gosto teu poema, embora ache que neste exageras em certos versos nos adjectivos e certas palavras mais requintadas que utilizas, abalam um pouco o ritmo e melodia do poema mas é apenas a minha opinião. :)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of musarenascentista

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Fantasia FIM DE TARDE EM FOGO 0 539 12/20/2013 - 13:06 Português
Poesia/Dedicado AO AMANTE DA POETISA 0 537 12/20/2013 - 13:02 Português
Poesia/Fantasia PODADURA 0 1.699 10/09/2013 - 18:16 inglês
Poesia/Fantasia MEMÓRIA 0 2.694 10/09/2013 - 18:15 inglês
Poesia/Fantasia PRECE OUTONAL 0 580 10/09/2013 - 18:14 Português
Poesia/Fantasia HÁ AQUI NESTE MAR 0 546 09/05/2013 - 10:41 Português
Poesia/Erótico DESPUDOR (… ao João…) 0 630 09/05/2013 - 10:39 Português
Poesia/Fantasia NOITE ENFURECIDA 0 503 09/05/2013 - 10:38 Português
Poesia/Erótico NOITE NA TUA PELE 0 520 08/01/2013 - 10:27 Português
Poesia/Desilusão CICATRIZES INTEMPORAIS 0 1.232 08/01/2013 - 10:26 Português
Poesia/Desilusão SENTIR NINGUÉM 0 522 08/01/2013 - 10:25 Português
Poesia/Fantasia VERSO EPITELIAL 0 540 06/18/2013 - 09:14 Português
Poesia/Fantasia CLARABOIA 0 1.155 06/18/2013 - 09:13 Português
Prosas/Contos NA PRAÇA DO PÃO 0 620 06/18/2013 - 09:09 Português
Poesia/Erótico PERNAS 2 648 06/18/2013 - 09:06 Português
Poesia/Fantasia A CASA 1 497 06/18/2013 - 08:08 Português
Poesia/Fantasia AS COISAS 0 341 06/04/2013 - 10:29 Português
Poesia/Fantasia PRECE 0 240 06/01/2013 - 14:17 Português
Prosas/Contos O GRITO DA MANDRÁGORA 0 1.146 06/01/2013 - 14:12 Português
Poesia/Fantasia A CASA E AS COISAS 0 493 06/01/2013 - 14:07 Português
Poesia/Dedicado A BARTOLOMEU DIAS 0 1.028 05/28/2013 - 21:59 Português
Poesia/Dedicado ALICE NO PAÍS DAS FLORES 0 458 05/28/2013 - 21:58 Português
Prosas/Lembranças NA LAMA DA FELICIDADE 0 1.187 05/28/2013 - 21:56 Português
Poesia/Erótico ACETINADA ENUNCIAÇÃO 0 383 05/27/2013 - 19:00 Português
Poesia/Erótico PECADOS DE ESCRITA 0 282 05/27/2013 - 18:59 Português