CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Doidamente Apaixonado

Doidamente Apaixonado

Estou doidamente apaixonado, por ti, sere belo, que me fazes vibrar de prazer, me deixas doidamente apaixonado assim neste canto querendo sentir teu odor, teu corpo bem junto do meu, me saciando completamente. Estou doidamente apaixonado por ti musa da minha vida, que me enlouqueces na volupia da noite, que me deixas na vanguarda do futuro te querendo aqui a meu lado.
Doidamente apaixonado estou, não sei mais por onde andar, nem que fazer, nem que falar, pois palavras não tenho para te descrever de tao doidamente apaixonado que estou. És sereia, és musa, és rainha, és o ar que respiro és água que me mata a sede, e eu doidamente apaixonado nada mais sei que fazer. Doidamente apaixonado estou por este belo sere, forte estatura interna tens, segura de ti estas, me fazes ficar deliciado na tua pessoa, me deixando a pensar em ti 24horas por dia.
Trabalho penso em ti, venho plo caminho em ti penso, estou em casa da minha cabeça nao sais, assim eu doidamente apaixonado estou. Teus lábios deliciosos desejo beijar novamente, teu corpo quero explorar mais profundamente, teu olhar provocante me deixa sem reacção de mais nada querer fazer. So tu me fazes viver, só tu me das luz para a vida, só tu me mostras que és a razao do meu viver. Vem anda cá, deixa-me mostrar o meu interior, o meu sere, vem anda cá me faz dizer e mostrar o quanto doidamente apaixonado estou. Ao mundo bem alto teu nome grito, ao universo bem alto teu nome nas estrelas escrevo, por ti vou até ao fim, de tao doidamente apaixonado estou. 

Mcvf35pt®

Submited by

segunda-feira, março 2, 2015 - 00:56

Poesia :

No votes yet

mcvf35pt

imagem de mcvf35pt
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 20 semanas 1 dia
Membro desde: 12/25/2011
Conteúdos:
Pontos: 457

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of mcvf35pt

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Amanhã de manhã 1 720 03/15/2018 - 13:27 Português
Poesia/Geral Louco mas com sabedoria 3 864 03/15/2018 - 13:25 Português
Poesia/Geral Lamentações de um amanhecer 1 723 03/15/2018 - 13:24 Português
Poesia/Geral À Beira-Mar 1 717 03/15/2018 - 13:23 Português
Poesia/Geral És Criança do Meu Sere 2 605 03/10/2018 - 19:57 Português
Poesia/Geral Amizade 1 786 03/10/2018 - 19:55 Português
Poesia/Geral Esquecido 2 836 03/08/2018 - 18:56 Português
Poesia/Geral Doidamente Apaixonado 0 602 03/02/2015 - 00:56 Português
Poesia/Geral Sereia do Meu Canto Divinal 0 687 03/27/2014 - 03:44 Português
Poesia/Geral Desabafo de um Sentimento Angelical 0 695 03/11/2014 - 02:43 Português
Poesia/Geral O céu pode cair, o mar desaparecer, a musica terminar e o mundo escurecer 0 700 02/05/2014 - 17:31 Português
Poesia/Geral Face Lavada 0 1.000 12/07/2013 - 13:09 Português
Poesia/Geral Eterna Mocidade 0 672 12/06/2013 - 03:07 Português
Poesia/Geral És Aquela.... 0 492 12/06/2013 - 01:27 Português
Poesia/Geral Quebrei a Imagem da Minha Alma 0 619 12/06/2013 - 01:04 Português
Poesia/Geral Fotografia da Minha Alma 0 818 12/01/2013 - 15:32 Português
Poesia/Geral Desabafo Matinal 0 659 12/01/2013 - 15:03 Português
Poesia/Geral Fumo Negro 0 793 10/06/2013 - 02:35 Português
Poesia/Geral Amarga Decisão 1 459 03/07/2013 - 16:06 Português
Poesia/Geral Dizer Quero-te 0 785 10/24/2012 - 20:31 Português
Poesia/Geral Lançamento do Livro "Olhos Fechados Não Vêem" Adiado devido a doença do autor 1 756 04/03/2012 - 01:33 Português
Poesia/Geral Apanhado no Amor 0 903 02/27/2012 - 01:30 Português
Poesia/Geral Reflexão de realidade 0 753 02/08/2012 - 12:39 Português
Poesia/Geral Lasciva linguagem 1 1.026 02/05/2012 - 21:37 Português
Poesia/Geral Sereia da Noite 0 970 02/02/2012 - 16:20 Português