CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

EGO EMBACIADO


Madrugada vadia. Longínqua

Chama néscia, tão escassa
ao fundo de um túnel profundo.

Funil de gritos que me amaldiçoam
fora da lei do sentimento gelo que trago.

Agreste ódio. Abominável.

Toque de gestos ocos
aos olhos de uma esperança.

Dissoluta.

Expludo como um vulcão abscôndito.

Enxurrada de magma triste
na alma que me endossa a dor ao silêncio.

Falso desabafo. Paradoxal.

Nó de garganta afinada
numa rouquidão de amar engasgado.

Fogo de consequências frágeis.

Caos que se alastra
teoria passiva que me interdiz o olhar.

Ego embaciado. Demente.
 

Submited by

terça-feira, julho 26, 2011 - 17:19

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 15 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor AMAR É SER SOL E LUA 6 1.220 07/03/2009 - 05:22 Português
Poesia/Desilusão CAIXÃO 7 847 06/18/2009 - 23:35 Português
Poesia/Geral AJO 1 1.442 05/21/2009 - 03:23 Português
Poesia/Amor QUERO 1 817 05/19/2009 - 15:09 Português
Poesia/Meditação EU... 4 2.692 05/19/2009 - 14:24 Português
Fotos/Outros O.V.N.I 6 1.501 05/18/2009 - 14:26 Português
Prosas/Pensamentos ÁRIES 2 1.588 05/11/2009 - 03:56 Português
Poesia/Paixão TU 1 1.293 05/11/2009 - 03:14 Português
Poesia/Meditação NOITE 3 2.080 05/05/2009 - 10:28 Português
Poesia/Amor QUÃO BELA É A MULHER 2 2.094 09/24/2008 - 13:04 Português