CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Epifania

"Brilho noturno de noite alheia vagando entorno à Terra"
PARMÉNIDES, "Sobre a Natureza" Fragmento 14, entre 490 a.C. e 475 a.C.

Nimba em Serendip (1), ainda que em Otranto (2),
Êxule o transe de Hamelin e flauta (3)
Obducta, já o revérbero se pauta
P'lo Caminho da Mão Direita (4) enquanto

Alvorece um Período Edo (5) num canto
Feérico, numa lira sonial, nauta
Do empíreo, do latíbulo, aura incauta  
Alvinitente em Heorot (6). Lene o quanto

Hipostaticamente une, dilecta,
Fanal de venustade. Monet adentro,
Constelação de evérgetas, roleta
                       
Do tético, é Mirphak, enlevo bento
Lucente, exalça como calafeta,
Na serendipidade em sacramento.

 
(À cadela Cuca e em memória do meu Tejo)

(1) WALPOLE, Horace “Os Três Príncipes de Serendip”, 1754

(2) WALPOLE, Horace “The Castle of Otranto", 1764

(3) BROWNING, Robert "The Pied Piper of Hamelin", 1842

(4) FORTUNE, Dion "Autodefesa Psíquica", 1983, tradução de Mário Muniz Ferreira, Editora Pensamento-Cultrix, Lda.

(5) Período Edo ou Idade da Paz Ininterrupta (1603-1868) (Japão)

(6)"Beowulf", 1000

Submited by

terça-feira, abril 27, 2021 - 23:06

Poesia :

Your rating: None (3 votes)

Rute Iria

imagem de Rute Iria
Online
Título: Membro
Última vez online: há 12 minutos 21 segundos
Membro desde: 10/24/2020
Conteúdos:
Pontos: 132

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Rute Iria

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto Silêncio 0 30 12/03/2021 - 01:18 Português
Poesia/Soneto A Mesma 2 152 11/13/2021 - 14:49 Português
Poesia/Soneto Forasteira 0 203 09/24/2021 - 01:08 Português
Poesia/Soneto Morte em Vida 0 322 08/03/2021 - 12:49 Português
Poesia/Soneto Renascer 0 340 06/05/2021 - 17:14 Português
Poesia/Soneto Epifania 0 317 04/27/2021 - 23:06 Português
Poesia/Soneto Ínvia 0 279 04/08/2021 - 13:46 Português
Poesia/Soneto Desancorada 0 299 03/19/2021 - 18:25 Português
Poesia/Soneto Ave Nocturna 0 338 02/11/2021 - 00:14 Português
Poesia/Soneto Da Fisicalidade 0 339 12/25/2020 - 00:31 Português
Poesia/Soneto Dançares-me dentro 3 367 12/18/2020 - 03:22 Português
Poesia/Soneto Em Chamas 0 317 11/16/2020 - 12:33 Português
Poesia/Soneto Shariar 0 332 10/29/2020 - 12:12 Português
Poesia/Soneto Lâminas por Pétalas 0 323 10/29/2020 - 12:11 Português
Poesia/Soneto Malkuth 0 311 10/28/2020 - 11:58 Português
Poesia/Soneto Mnemónica de Abraão 0 307 10/28/2020 - 11:57 Português
Poesia/Soneto Mil Vidas Numa Só 0 285 10/28/2020 - 11:57 Português
Poesia/Soneto Dentro 0 326 10/27/2020 - 00:13 Português
Poesia/Soneto À Bolina 0 304 10/27/2020 - 00:12 Português
Poesia/Soneto Sem Norte 0 298 10/27/2020 - 00:12 Português
Poesia/Soneto Infrene 0 293 10/26/2020 - 00:09 Português
Poesia/Soneto Inconsertável 0 281 10/26/2020 - 00:08 Português
Poesia/Soneto Ancoragem 0 299 10/26/2020 - 00:07 Português
Poesia/Soneto Quando Deus e o Diabo Dançam 0 311 10/24/2020 - 23:14 Português
Poesia/Soneto Beatrice (Portinari) 0 367 10/24/2020 - 23:13 Português