CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Fantasmas na escuridão

O amanhecer de mais um dia
O despertar de uma vida
Pode acontecer em fração de segundos
É onde você descobre a realidade
O sonho acabou tão repentinamente
Que nem lembra mais dos fragmentos
Dos relances oníricos
Tudo se desfaz como a névoa.

O meu sonho era tão real
Palpável como tocar o silêncio
E nele o mundo era um lugar legal
Onde havia uma música suave
Que me possibilitava dançar alegremente
A canção da felicidade.

O que aconteceu para que a noite terminasse
De forma tão abrupta
Desfazendo toda nostalgia de quem sonhava?
Olho pela janela e vejo o sol
O mundo é um lugar real
Mais real que o meu próprio sonho
E essa realidade me assusta
Tal como os pesadelos noturnos
Sem saber onde estão os fantasmas na escuridão.

Agora que acordei deste sonho
Devo caminhar sem medo
O tempo não espera por ninguém
E outra noite há de chegar
Com seus mistérios quando fecharmos os olhos
Tudo será desfeito como agora.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

quinta-feira, abril 14, 2022 - 14:11

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 17 horas 1 minuto
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 8368

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Perdido nas ruas 3 42 08/10/2022 - 19:49 Português
Poesia/Pensamentos Poesia, melodia e fantasia 3 40 08/09/2022 - 23:48 Português
Poesia/Desilusão Vacilo 3 40 08/09/2022 - 19:55 Português
Poesia/Amor Onde está meu coração 3 71 08/08/2022 - 13:22 Português
Poesia/Meditação A Solidão e o Cativeiro 3 75 08/05/2022 - 19:59 Português
Poesia/Intervenção Realidade inquietante 3 70 08/04/2022 - 20:55 Português
Poesia/Desilusão Que essa ilusão morra enquanto ainda é esperança 3 89 08/03/2022 - 20:40 Português
Poesia/Amor Deixei a tarde para você 3 53 08/02/2022 - 19:04 Português
Poesia/Meditação Calmaria para o coração 3 136 08/01/2022 - 12:56 Português
Poesia/Desilusão A morte é só pedra do esquecimento 3 145 07/30/2022 - 12:48 Português
Poesia/Amor Te amei sem que eu o soubesse 3 180 07/29/2022 - 13:56 Português
Poesia/Desilusão Tento voar 3 60 07/28/2022 - 15:15 Português
Poesia/Intervenção Escravos Institucionalizados 3 102 07/27/2022 - 13:34 Português
Poesia/Amor E se eu não conseguir ler 3 131 07/25/2022 - 19:17 Português
Fotos/Artes Dia Nacional do Escritor 0 42 07/25/2022 - 12:48 Português
Poesia/Amor Quando aprendi a te amar 3 113 07/23/2022 - 13:58 Português
Poesia/Intervenção Em uma rua qualquer de algum lugar 3 97 07/22/2022 - 13:19 Português
Poesia/Intervenção Para onde caminha a humanidade? 3 277 07/21/2022 - 12:49 Português
Poesia/Meditação O melhor presente 3 89 07/20/2022 - 14:31 Português
Poesia/Intervenção A miséria que vira rotina 3 148 07/19/2022 - 22:09 Português
Poesia/Intervenção A metamorfose do futuro 3 311 07/19/2022 - 13:57 Português
Poesia/Amor No peito um coração que sorria 3 110 07/18/2022 - 22:33 Português
Poesia/Pensamentos Não tenho tempo a esperar 3 143 07/18/2022 - 12:46 Português
Videos/Poesia Tirado do fundo do poço - Vídeo 0 33 07/17/2022 - 15:41 Português
Videos/Poesia Onde estão todas as crianças perdidas? 0 52 07/16/2022 - 15:40 Português