CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

FLORES À VIDA!




Flores à vida

 

Ofereçam-me flores enquanto eu viver,

Não mas ofereçam quando eu morrer,

Em vida eu agradeço e beijo quem mas ofertar,

E posso sentir o seu perfume no ar,

Depois de morto, elas morrem comigo,

São tristeza sem fim, cheirá-las já não consigo.

 

As flores são lindas para os olhos e para a vida

Não para a morte, é vida perdida,

As flores são lindas demais para chorarem a dor,

  Elas são nascidas, para viverem o amor,

Por isso, não dêem flores à morte que não sente,

Mas sim aos meus olhos vivos para ficar contente.

 

À vida que eu ainda tenho, as flores ficam-me bem,

Por isso, eu quero dar flores a quem vida tem,

Elas para mim nunca serão rejeitadas,

  Flores de luto, são flores oferecidas ao nada,

Alegria e amor merecem flores, para também dar,

A quem amo muito para também abraçar.

 

Flores de luto, são tristes não as quero para mim,

Deixem-nas ficar a viver no seu próprio jardim,

Para serem oferecidas à alegria de viver,

E não a quem deixou a vida para morrer,

É tão bom cheirar o perfume de uma flor,

Dá vida à vida, dá vida ao sentimento do amor.

 

É assim que eu penso sobre a oferenda de qualquer flor,

As flores são alegria que a vida quer e não de dor,

Não faz sentido esta tão triste tradição,

De oferecer flores a quem já não sente o coração,

Dêem flores sim, às mãos que as podem receber,

E não a quem já não tem vida para viver.

 

 

Tavira, 16 de Outubro de 2011-Estêvão

 

 

 

 

 

Submited by

quarta-feira, janeiro 29, 2014 - 17:24

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 semanas 6 dias
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Pensamento 0 471 12/20/2019 - 17:18 Português
Poesia/Meditação Pensamento 0 333 12/20/2019 - 17:13 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 450 12/12/2019 - 18:00 Português
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 5 2.656 12/09/2019 - 13:23 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 1.091 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 1.368 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 1.951 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.578 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 2.138 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 2.541 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 2.002 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.916 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 1.191 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 1.475 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.333 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 2.597 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 1.978 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 1.624 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 1.100 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 1.768 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.207 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.405 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 1.209 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.509 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 2.404 12/21/2016 - 10:58 Português