CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

FOME OU MISÉRIA

F O M E  OU  M I S É R I A?

Nas tuas mãos rugosas,
calejadas,
vejo mil sonhos por realizar,
mil promessas amorosas,
impensadas,
mil tormentos enfadonhos,
a magoar.

Um quadro sem vida
e sem cor,
e uma vontade teimosa,
insaciável,
de não te dares por vencida
nessa dor cuja causa,
vergonhosa,
é intragável.

Gostarias de ultrapassar
algo que te morde,
te remorde,
te consome cada artéria,
a que muitos chamam Fome,
outros dizem ser Miséria!

Maria Letra
2012-03-24
2

Submited by

terça-feira, junho 14, 2016 - 16:41

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Maria Letra

imagem de Maria Letra
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 30 semanas 5 dias
Membro desde: 11/20/2012
Conteúdos:
Pontos: 2604

Comentários

imagem de Maria Letra

FOME OU MISÉRIA

Um misto das duas... Saciam-se entre si com NADA.
Grata, Joel.

imagem de Joel

Fernando Pessoa - Dá a surpresa de ser

Apetece como um barco.

Tem qualquer coisa de gomo.

Meu Deus, quando é que eu embarco?

Ó fome, quando é que eu como?

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Maria Letra

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral PORQUÊ SETEMBRO? 0 843 08/25/2013 - 10:56 Português
Poesia/Geral A NATUREZA E NÓS 0 1.337 08/25/2013 - 15:20 Português
Poesia/Geral A MORTE TRAINDO A VIDA 0 651 09/06/2013 - 20:20 Português
Poesia/Amor A TUA AUSÊNCIA 0 1.275 09/14/2013 - 14:03 Português
Poesia/Geral TEUS VENTOS 0 1.288 09/15/2013 - 08:14 Português
Poesia/Desilusão VER..., PARA CRER! 0 1.302 09/28/2013 - 10:20 Português
Poesia/Intervenção CERCO AOS MARRETAS 0 870 10/07/2013 - 10:11 Português
Poesia/Geral QUANDO "SÓ", VALE A PENA 0 734 10/13/2013 - 17:43 Português
Poesia/Geral ERROS MEUS 0 1.087 10/16/2013 - 00:48 Português
Poesia/Poetrix SÓ, MAS FELIZ! 0 1.684 10/16/2013 - 06:35 Português
Poesia/Geral UM EGO CEGO 0 3.266 12/12/2013 - 12:38 Português
Poesia/Geral ESTE NATAL EM PORTUGAL 0 558 12/29/2013 - 16:58 Português
Poesia/Geral UM CERTO FALSO AMAR 0 1.391 12/30/2013 - 03:26 Português
Prosas/Terror UM GALINHEIRO DE AVES ESCOLHIDAS A DEDO PARA PRODUZIR AUDIÊNCIAS 0 2.254 01/07/2014 - 06:47 Português
Poesia/Geral SABER QUE DÓI 0 1.110 01/13/2014 - 12:02 Português
Prosas/Outros DETESTO TER RAZÃO QUANDO NÃO ESTOU DE ACORDO COM CERTAS TEORIAS... 0 1.436 01/28/2014 - 21:34 Português
Poesia/Geral TEUS CASTELOS 0 1.214 01/31/2014 - 00:54 Português
Poesia/Geral A MARALHA 0 1.398 01/31/2014 - 12:12 Português
Poesia/Geral DIFERENÇAS 0 1.036 02/04/2014 - 10:56 Português
Poesia/Tristeza TUAS MÃOS 0 652 02/05/2014 - 19:49 Português
Poesia/Geral SOMBRAS NA NOITE 0 603 02/05/2014 - 23:59 Português
Poesia/Geral NA PLATAFORMA DUM SONHO 2 892 02/15/2014 - 01:09 Português
Poesia/Geral NON-STOP LIFE 4 2.207 02/16/2014 - 17:14 Português
Poesia/Geral QUEM SOU 1 696 02/16/2014 - 22:08 Português
Poesia/Geral VERSOS QUE SILENCIEI 3 1.859 02/19/2014 - 01:04 Português