CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Gravei meu nome
no mar de Maragogi,
tatuei nos olhos meus
o infinito cintilante do céu.

Desenhei no luar
noites quentes de paixão,
inebriei-me maravilhosa de alegria.

Beijei ternas flores
de suaves odores
esquecendo a tristeza
nas suas mil cores.

Mergulhei no sol quente
dos recifes espelhados no meu corpo.

Nas veias corre-me a aragem
ávida do meu calcorrear
o areal apanhando búzios.

Adornei-me de conchas.

Fui siri no arrasto das marés.

Fiz-me de corais
enquanto o peixe palhaço
brincava num mar de maré baixa.

Quiçá minha alma
perder-se-á na volúpia
desta beleza tropical.

Submited by

quinta-feira, março 18, 2010 - 01:40

Poesia :

No votes yet

mariamateus

imagem de mariamateus
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 29 semanas 3 dias
Membro desde: 02/24/2009
Conteúdos:
Pontos: 2987

Comentários

imagem de Anonymous

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

E eu mergulhei tão profundamente nas tuas palavras, que por momentos senti-me a entrar no écran do vídeo e viver toda aquela beleza paradisíaca...

Beijinhos carinhosos

imagem de LilaMarques

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

MariaMateus, minha querida,

Penso que tua alma se achou na volúpia desta beleza tropical e tu ainda fizeste com que a nossa também se achasse um pouquinho!!!

Beijo grande, amiga.

imagem de ÔNIX

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Pelo que se viu no vídeo, deu para ver que estiveste muito bem nessas duas semanas.

O poema faz jus ao local e à energia quente e aconchegante que se sente desse local

Beijos...muitos

Matilde D'Ônix

imagem de nunomarques

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Que belas imagens, e uma sensação de imensa tranquilidade.

Gostei imenso

Abraço
Nuno

imagem de Dianinha

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Humm, que inveja...
Quem me dera ter ido também assim de férias para essa terra maravilhosa! :-D

Quem sabe um dia... ;-)
Gostei imenso do teu poema maria, imenso dessa paixão que transpareceu assim de levezinho!
Amei...

Beijinho com carinho!

imagem de SuzeteBrainer

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Olá MariaMateus!
Que Poesia inspirada!
Com o seu talento e sensibilidade poética, nos possibilitou viajamos na beleza do mar de maragogi.
Posso lhe dizer com certeza que também em Pernambuco temos praias lindas e o nosso céu é deslubrante!
:-) Suzete Brainer.

imagem de Henrique

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Desenhei no luar
noites quentes de paixão,
inebriei-me maravilhosa de alegria.

Tal alegria enobrece-nos a alma de sentimentos paradisíacos e tão repletos de poesia!!!

Belos momentos!!!

Beijinho

imagem de mariacarla

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Que maravilha de descrição. Apetece entrar pelo ecrã e ficar no teu belo paraíso.

Beijinho

Carla

imagem de analyra

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Muito caminhei nas negras areias,
ouvi o distante cantos das sereias
perdidas no infinito verde
bebei água de coco e matei minha sede
Vivi, há como vivi,
nos vivos recifes de maragogi.

Era um dos meu locais preferidos quando morei em Recife.

Beijos, descreves como ninguém este pequeno pedaço de paraíso.

Grande abraço, fico feliz por tua alegria.
inté
Beijo doce, doce amiga.

imagem de Betofelix

Re: FUI SIRI NO ARRASTO DAS MARÉS

Esta grande viagem lhe rendeu uma real descrição deste paraíso.

Muito bom.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of mariamateus

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor MORRO ENTRE PALAVRAS QUE NADA TE DIZEM 1 1.169 02/26/2018 - 13:29 Português
Poesia/Dedicado RECORDAR-TE É UMA CONSTANTE 2 1.591 07/01/2013 - 21:10 Português
Poesia/Tristeza OLHO-ME 1 1.475 04/01/2013 - 09:37 Português
Poesia/Desilusão RODOPIAM COMO PEÕES 0 1.679 03/30/2013 - 20:55 Português
Poesia/Tristeza LÁGRIMAS 1 1.097 03/25/2013 - 18:15 Português
Poesia/Tristeza EM SAUDADE ME DERRAMO PELO TEMPO 1 1.217 03/16/2013 - 22:59 Português
Poesia/Desilusão QUEBRADA 1 1.478 03/08/2013 - 21:35 Português
Poesia/Tristeza PERDIDA 0 901 03/08/2013 - 02:12 Português
Poesia/Tristeza NOITE ADENTRO 4 1.737 03/05/2013 - 22:05 Português
Poesia/Tristeza NADA ME CONFORTA 1 1.353 03/05/2013 - 22:02 Português
Poesia/Tristeza LUAR QUE ABRAÇA MEUS OMBROS 0 1.130 03/02/2013 - 01:09 Português
Poesia/Tristeza CONTADAS DORES … 0 907 02/11/2013 - 13:26 Português
Poesia/Amor TEU BEIJO EM MIM 0 1.360 02/07/2013 - 15:34 Português
Poesia/Tristeza SAUDADES QUE ME CERRAM OS OLHOS 2 1.681 01/14/2013 - 22:11 Português
Poesia/Amor OLHOS PARADOS 0 1.777 12/09/2012 - 18:03 Português
Poesia/Paixão LUA MINHA 1 1.525 12/09/2012 - 00:35 Português
Poesia/Amor OLHA-ME NOS OLHOS 0 1.210 12/07/2012 - 16:59 Português
Poesia/Amor MAIS DO QUE O SOL ESCONDE A NOITE 0 1.828 12/06/2012 - 20:35 Português
Poesia/Meditação SILENCIOSA NOITE 2 1.466 12/06/2012 - 19:30 Português
Poesia/Tristeza ENTRE AS PAREDES DO MEU QUARTO 0 1.479 12/04/2012 - 19:11 Português
Poesia/Meditação AO SABOR DO TEMPO 0 1.908 11/29/2012 - 20:41 Português
Poesia/Amor BEIJO RECHEADO DE DESEJO 1 1.292 11/26/2012 - 19:50 Português
Poesia/Tristeza DESSE MAR DE SAUDADE 1 1.997 09/30/2012 - 22:33 Português
Poesia/Meditação ESSA QUE DORME AO COLO DA NOITE 1 1.931 09/25/2012 - 02:47 Português
Poesia/Meditação FRÁGEIS DEDOS 1 1.599 09/18/2012 - 22:32 Português