CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Grãos de Areia

Grãos de areia escorem de minhas mãos
Qual uma ampulheta ao passar do tempo
Suaves e finos grossos e pedregosos
Grãos de areia que há mim revelam

Tempo sombra que meu ser rodeia
Que parte a vida e deixa o passado
Do sonho perdido no amor esquecido
Ah escoar de segundo a segundo

Meu ser sucumbiu à tormenta do tempo
Ilusão renascida na face atordoada
Fujo em busca do tempo, mas não o acho
Agora esta perdido na viela da vida finda

Finito achado no horizonte perdido
De arco-íris preto e branco sem cor
Da alma perdida no devaneio
Sem sinal de dor da morte sentida.

Submited by

sexta-feira, outubro 2, 2009 - 05:14

Poesia :

No votes yet

marialds

imagem de marialds
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 31 semanas
Membro desde: 03/31/2009
Conteúdos:
Pontos: 2887

Comentários

imagem de angelalugo

Re: Grãos de Areia p/ marialds

Olá Maria

Como gosto desta relação entre
o tempo e os grãos de areia caindo
entre os dedos das mãos é bem parecido
com o tempo que não o podemos segurar
e vai se escoando sem que o possamos
pegar...Amei teu poema

Beijinhos no coração

imagem de gimendhes

Re: Grãos de Areia

"Meu ser sucumbiu à tormenta do tempo
Ilusão renascida na face atordoada
Fujo em busca do tempo, mas não o acho
Agora esta perdido na viela da vida finda"

Lindo, sentido.. me agrada mto...
bjOos

imagem de LilaMarques

Re: Grãos de Areia

Maria Luiza,

Gosto tanto de tua escrita!
Que delicadeza, que bela combinação de palavras...
Lindo!
Parabéns!

Beijo.

imagem de FlaviaAssaife

Re: Grãos de Areia

marialds,

"Finito achado no horizonte perdido
De arco-íris preto e branco sem cor
Da alma perdida no devaneio
Sem sinal de dor da morte sentida."

Muito bonito!

imagem de MarneDulinski

Re: Grãos de Areia

marialds!

Grãos de Areia

Finito achado no horizonte perdido
De arco-íris preto e branco sem cor
Da alma perdida no devaneio
Sem sinal de dor da morte sentida.

O tempo passa,tudo passa, tudo chega e vai embora, mas só não podemos, ficar com essas preocupações na mente, deixando e tempo passar!
Temos que viver o aqui e agora, curtir todo tempinho que passa, com mito amor e carinho, por tudo que nos rodeia!
MarneDulinski

imagem de analyra

Re: Grãos de Areia

"Finito achado no horizonte perdido
De arco-íris preto e branco sem cor
Da alma perdida no devaneio
Sem sinal de dor da morte sentida."
Gostei muito mesmo, lindo como todos so teus poemas.
Grande abraço.

imagem de danyfilipa

Re: Grãos de Areia

"Finito achado no horizonte perdido
De arco-íris preto e branco sem cor
Da alma perdida no devaneio
Sem sinal de dor da morte sentida" gostei :roll:

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of marialds

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Separação 0 732 07/22/2015 - 20:11 Português
Poesia/Geral Veja 0 1.068 07/19/2014 - 03:55 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 842 03/02/2014 - 02:55 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 1.107 03/02/2014 - 02:47 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 710 03/02/2014 - 02:41 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 1 1.406 12/20/2013 - 21:17 Português
Prosas/Outros Frase 0 937 11/28/2013 - 00:50 Português
Fotos/Natureza Flores popularmente chamadas de "Damas da Noite" 0 1.503 11/28/2013 - 00:44 Português
Poesia/Geral Noite de Solidão 0 1.255 11/27/2013 - 23:23 Português
Poesia/Geral Fria Madrugada 2 1.418 11/27/2013 - 22:34 Português
Poesia/Geral Cotidiano 2 986 11/18/2013 - 00:57 Português
Poesia/Fantasia Ser em Sombras 0 840 05/12/2013 - 00:30 Português
Poesia/Geral A Flor da Pele 2 1.122 06/24/2012 - 21:48 Português
Poesia/Geral Solidão de nos Dois. 2 1.070 06/17/2012 - 20:39 Português
Poesia/Geral Passagem 0 795 06/17/2012 - 02:57 Português
Poesia/Geral Momentos 1 1.364 03/30/2012 - 10:04 Português
Poesia/Geral Teu Perfume 0 1.311 03/30/2012 - 05:04 Português
Poesia/Geral Espectro 0 1.104 03/30/2012 - 04:56 Português
Poesia/Geral Na Face do Menino 2 1.154 01/22/2012 - 03:59 Português
Poesia/Geral Tombados 0 876 01/21/2012 - 03:32 Português
Fotos/Paisagens Estrada de nuvens. 0 2.646 01/15/2012 - 22:38 Português
Poesia/Haikai Sem Titulo 0 1.139 01/15/2012 - 22:00 Português
Poesia/Haikai Sem Título 0 1.009 01/15/2012 - 21:59 Português
Poesia/Tristeza Apenas Lembranças 0 1.015 01/15/2012 - 21:56 Português
Poesia/Soneto Livro de bolso 0 2.176 09/17/2011 - 05:15 Português