CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Insatisfação

Não quero levantar-me
Até acordei no horário rotineiro
Mas não sinto vontade levantar do meu leito
Não vejo motivo para isso
Tudo é tão corriqueiro
E, com certeza, a roda irá girar novamente
Como fez ontem e anteontem
E antes de anteontem.

No círculo infinito da vida
Nada é novo debaixo do sol
A Terra gira sempre na mesma rotação
E não vejo nada mudar
Nem mesmo os imbecis que rodam o meu caminho
E eu só queria respirar um pouco
Mas sou sufocado pela fumaça de cigarro
Quando nunca coloquei um em minha boca
E não posso fazer nada contra isso
Quem poderá me defender?

Insatisfação
É isso que posso chamar dessa inquietação na alma
Uma saudades do tempo que passou
Incerteza do tempo que virá, se vier algum dia
Ou apenas uma tristeza sem sentido algum
Porque simplesmente nada está bom
E quem sou eu para lutar contra isso?

O sol bate na janela
A claridade invade o quarto
É como se dissesse para me levantar
Porque a vida não para e se eu ficar parado
Posso ser atropelado pela correria da manada.
Se não posso fazer nada
De que me adianta essa minha insatisfação?

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

quinta-feira, junho 2, 2022 - 19:34

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 horas 15 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 8344

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Onde está meu coração 3 27 08/08/2022 - 13:22 Português
Poesia/Meditação A Solidão e o Cativeiro 3 54 08/05/2022 - 19:59 Português
Poesia/Intervenção Realidade inquietante 3 55 08/04/2022 - 20:55 Português
Poesia/Desilusão Que essa ilusão morra enquanto ainda é esperança 3 79 08/03/2022 - 20:40 Português
Poesia/Amor Deixei a tarde para você 3 45 08/02/2022 - 19:04 Português
Poesia/Meditação Calmaria para o coração 3 118 08/01/2022 - 12:56 Português
Poesia/Desilusão A morte é só pedra do esquecimento 3 137 07/30/2022 - 12:48 Português
Poesia/Amor Te amei sem que eu o soubesse 3 172 07/29/2022 - 13:56 Português
Poesia/Desilusão Tento voar 3 58 07/28/2022 - 15:15 Português
Poesia/Intervenção Escravos Institucionalizados 3 101 07/27/2022 - 13:34 Português
Poesia/Amor E se eu não conseguir ler 3 128 07/25/2022 - 19:17 Português
Fotos/Artes Dia Nacional do Escritor 0 41 07/25/2022 - 12:48 Português
Poesia/Amor Quando aprendi a te amar 3 112 07/23/2022 - 13:58 Português
Poesia/Intervenção Em uma rua qualquer de algum lugar 3 92 07/22/2022 - 13:19 Português
Poesia/Intervenção Para onde caminha a humanidade? 3 265 07/21/2022 - 12:49 Português
Poesia/Meditação O melhor presente 3 84 07/20/2022 - 14:31 Português
Poesia/Intervenção A miséria que vira rotina 3 141 07/19/2022 - 22:09 Português
Poesia/Intervenção A metamorfose do futuro 3 309 07/19/2022 - 13:57 Português
Poesia/Amor No peito um coração que sorria 3 104 07/18/2022 - 22:33 Português
Poesia/Pensamentos Não tenho tempo a esperar 3 140 07/18/2022 - 12:46 Português
Videos/Poesia Tirado do fundo do poço - Vídeo 0 31 07/17/2022 - 15:41 Português
Videos/Poesia Onde estão todas as crianças perdidas? 0 45 07/16/2022 - 15:40 Português
Poesia/Intervenção Onde estão todas as crianças perdidas? 3 143 07/15/2022 - 18:56 Português
Poesia/Meditação Tirado do fundo do poço 3 104 07/15/2022 - 13:39 Português
Poesia/Alegria A sublime alma do poeta 3 148 07/14/2022 - 13:44 Português