CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

LÁGRIMAS DE AREIA

Lágrimas de Areia

Lá estava ela, triste e taciturna.
 Testemunha de efêmeros conflitos,
 Com um olhar perdido no tempo,
 Não exigia nada em troca
 A não ser um pouco de atenção.

 Sentia-se solitária, oca,
 Os homens admiravam-na pelos seus dotes.
 As crianças, em sua eterna plenitude,
 Admiravam-na muito mais além...
 ... Mais humana!

 De sua profunda melancolia
 Lágrimas surgiram.
 Elas não umedeceram o seu rosto,
 Mas secaram o seu coração,
 O poço da alma,
 Aumentando cada vez mais
 A sua sede.

 Lá ela permaneceu; estática, paralisada!
 Esperando que o vento do norte a levasse
 Para bem longe dali!

 O dia começou a desfalecer.
 Seu coração, outrora seco e vazio,
 Agora pulsava em desenfreada arritmia.
 Desespero!
 A maré estava subindo...

 Em breve voltaria a ser o que era:
 Um simples grão de areia.
 Quiçá um dia levado pelo vento,
 Quiçá um dia... Em um porto seguro.


Do livro (O Anjo e a Tempestade) de Agamenon Troyan

 


 

Submited by

quarta-feira, maio 4, 2011 - 20:01

Poesia :

No votes yet

tarokid2003

imagem de tarokid2003
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 48 semanas
Membro desde: 02/15/2009
Conteúdos:
Pontos: 139

Comentários

imagem de MarneDulinski

LÁGRIMAS DE AREIA

Mais um lindo e maravilhoso poema, gostei muito!

Marne

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of tarokid2003

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Fotos/Eventos REVISTA DO CINEMA MACHADENSE 1911-2005 0 416 11/20/2010 - 05:55 Português
Fotos/Eventos DECADÊNCIA OU GLÓRIA 0 366 11/20/2010 - 05:55 Português
Fotos/Eventos ADVERSOS 0 393 11/20/2010 - 05:55 Português
Fotos/Eventos O ANJO E A TEMPESTADE 0 469 11/20/2010 - 05:55 Português
Fotos/Eventos Nas Asas da Esperança 0 442 11/20/2010 - 05:55 Português
Poesia/Geral O PASTOR ATORMENTADO 1 318 03/03/2010 - 16:06 Português
Poesia/Geral CONSAGUINIDADE 2 289 07/30/2009 - 14:57 Português