CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Lavrador de Baldios

Tal poeta, que cantas o amor
Tal pateta, que veneras a dor
A tua alma tem escama!
São farrapos de vida
São horas de vivência, incompreendida
Que tu embalsamas, com as tuas lágrimas
Com as tuas palavras
Com o teu ardor
Ah, quantos baldios lavras, tu, poeta, por amor…!

apsferreira

Submited by

sexta-feira, junho 25, 2010 - 12:58

Poesia :

No votes yet

apsferreira

imagem de apsferreira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 anos 44 semanas
Membro desde: 09/21/2009
Conteúdos:
Pontos: 3457

Comentários

imagem de Susan

Re: Lavrador de Baldios

Ah, quantos baldios lavras, tu, poeta, por amor…!
Vejo aí sem seu poema o poeta que desbrava terrenos em palavras.
Genial!!!
Abraços
Susan

imagem de Anonymous

Re: Lavrador de Baldios

A sua poesia Albano,é sempre agradável de se
acompanhar.
Para mim é um prazer lê-lo e creia
que me é indiferente se me comentam ou não,
isto... respondendo um pouco ao seu poema seguinte.
Como o compreendo!
Há ainda aqueles que ousam pedir comentários. rs.
Belo poema, Poeta.
Um abraço
Vóny Ferreira

imagem de mariacarla

Re: Lavrador de Baldios

O poeta que canta a vida como a sente, vive no amor e deposita esperança em terrenos agrestes, e é com lágrimas que rega as sementes que lá planta. A colheita é feita com amor.

Sempre belo de poesia.

Beijinho

Carla

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of apsferreira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral E eu escrevo... 6 2.217 02/25/2018 - 21:03 Português
Poesia/Amor Incúria 8 1.306 11/20/2013 - 17:49 Português
Poesia/Dedicado Saudade 2 1.209 01/30/2013 - 23:43 Português
Poesia/Aforismo As Pessoas, Que São Boas 0 1.099 01/28/2013 - 03:20 Português
Poesia/Aforismo Brumas, no Olhar 2 1.428 01/21/2013 - 02:54 Português
Poesia/Aforismo Ah, Catraia Tonta... 0 1.764 01/20/2013 - 20:54 Português
Poesia/Amor A Irracionalidade do Amor 2 1.232 01/20/2013 - 20:34 Português
Poesia/Amizade O Teu Sorriso 2 922 01/18/2013 - 23:29 Português
Poesia/Amor Pedido, à Minha Estrelinha 2 1.276 10/19/2012 - 13:41 Português
Poesia/Amor Será, Que Tu Já Te Apercebeste, Meu Amor? 0 1.140 10/18/2012 - 05:55 Português
Poesia/Dedicado A Cor da Vida 0 1.461 10/11/2012 - 22:19 Português
Poesia/Fantasia Eu Sonho O Teu Despertar 0 1.758 10/09/2012 - 12:14 Português
Poesia/Dedicado Quer Quer Viver Para Sempre? 0 1.068 10/05/2012 - 07:53 Português
Poesia/Amor Ouve, Meu Amor... 0 1.309 10/04/2012 - 08:01 Português
Poesia/Paixão Apenas, Imaginação... 0 1.185 09/30/2012 - 11:13 Português
Poesia/Amor Eu quero-te, porque te quero 0 1.526 09/26/2012 - 03:53 Português
Poesia/Dedicado Desejos de Amor 0 1.379 09/24/2012 - 05:38 Português
Poesia/Meditação Porquê? 0 978 09/22/2012 - 04:03 Português
Poesia/Meditação Senhor... 0 1.664 09/19/2012 - 04:28 Português
Poesia/Dedicado Eu Viajo com o Teu Sorriso 0 1.025 09/17/2012 - 11:49 Português
Poesia/Soneto Alma de Mulher 0 1.719 09/09/2012 - 20:48 Português
Poesia/Aforismo Quando Muda O Mês 0 1.139 09/01/2012 - 19:41 Português
Poesia/Meditação Por "Trinta Dinheiros" 2 1.951 08/28/2012 - 17:51 Português
Poesia/Amor Incursão 0 1.399 08/21/2012 - 19:55 Português
Poesia/Aforismo Este Meu Fado 1 1.799 08/08/2012 - 02:48 Português