CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

' M E T A M O R F O S '

‘Metamorfos’ ostentam errantes
identidades em caráter enfático
em auto afirmação enervante
num existir inexistente temático
fruto científico não pragmático
de mentes fúteis e colossais.

Seu id é nada mais
que conclusões iniciais
de projetos finais
que carregam nas artérias vitais
mortes letais
vidas terminais.

Seu id é nada mais
que reflexos de sonhos filosofais
de viagens astrais
plenas de amores universais
de perfumes de mananciais
de desejos siderais
de flores glaciais
de beijos fatais.

São loucos e normais
seguindo reticentes
se esquivando das gentes
não olham para frente ou para trás
pois são homens espirituais
ou espíritos materiais:
anjos reais.

J. Thamiel
Guarulhos, 05.10.17
14:05h

Submited by

quinta-feira, outubro 5, 2017 - 18:56

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 horas 45 minutos
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 3056

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Fotos/Arte Digital Troam Trovas Triviais 0 1.522 11/04/2016 - 17:14 Português
Poesia/Geral PORTAS 0 599 11/06/2016 - 21:09 Português
Poesia/Desilusão AH! SE EU TIVESSE VINTE... 0 1.048 11/08/2016 - 22:28 Português
Poesia/Dedicado RUA DA PACIÊNCIA 0 745 11/10/2016 - 22:56 Português
Poesia/Dedicado A PRAÇA NÃO ERA ASSIM - (Homenagem ao meu amigo poeta) 0 517 11/11/2016 - 12:16 Português
Poesia/Desilusão DESENCONTRO 0 663 11/14/2016 - 23:34 Português
Poesia/Dedicado EU VIM DE LÁ PEQUENININHO 0 1.150 11/16/2016 - 22:02 Português
Poesia/Desilusão A PORTA ABERTA 0 673 11/18/2016 - 12:50 Português
Poesia/Geral A MOSCA E A ABELHA 0 773 11/21/2016 - 14:04 Português
Poesia/Geral SENSAÇÕES 0 2.024 11/22/2016 - 12:00 Português
Poesia/Meditação EU SOU O PROBLEMA 0 407 11/23/2016 - 12:27 Português
Poesia/Geral POÉTICO, PATÉTICO 0 1.155 11/24/2016 - 11:34 Português
Poesia/Geral VAI-SE A PRIMEIRA POMBA DESPERTADA 1 905 11/25/2016 - 23:51 Português
Poesia/Meditação JAZ ! - (Ensaio de surrealismo parnasiano) 0 822 11/27/2016 - 19:42 Português
Poesia/Geral SEGUNDA-FEIRA 0 1.145 11/28/2016 - 11:25 Português
Poesia/Geral BOIA-FRIA 0 531 11/30/2016 - 11:01 Português
Poesia/Dedicado COMO FAZER POESIA 0 547 11/30/2016 - 22:40 Português
Poesia/Meditação TRISTEZA 0 693 12/01/2016 - 13:39 Português
Poesia/Geral ALMA 0 3.698 12/02/2016 - 11:00 Português
Prosas/Outros "belém" ou pra lá de "belém"? 0 777 12/02/2016 - 14:22 Português
Poesia/Alegria REVERÊNCIA 0 737 12/03/2016 - 15:45 Português
Poesia/Dedicado AO POVO DE CHAPECÓ 0 2.359 12/05/2016 - 14:26 Português
Poesia/Geral O homem que habita em mim 2 444 12/05/2016 - 21:21 Português
Prosas/Pensamentos O CAMINHO ATÉ BELÉM 0 302 12/07/2016 - 00:39 Português
Poesia/Amizade O MILAGRE É... 0 3.502 12/07/2016 - 00:51 Português