CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

madrugadas

Quando inundaste a madrugada
A magia aconteceu.
Na solidão das horas, em que sempre te encontrava.
Trilhávamos caminhos, para lá do espaço e do tempo.
Poesia – sintonia das almas.
Quando sonhávamos, e voávamos
Sobre os telhados das casas
E ultrapassávamos esferas
Numa explosão de palavras e estrelas cadentes.
Eu, acordava por dentro
Num universo em espiral.

Hoje a noite só me devolve
O eco trágico do teu ser.
Queria cantar-te baixinho
Para que visses, através dos meus olhos
Toda a beleza escondida do outro lado do insólito.
Emprestar-te a nuvem onde adormeço
Com a chuva a escorrer pelos cabelos.
Para que conseguisses reflectir
O brilho que te percorre.

Mas tu não sabes…
Que cada vida, é uma possibilidade única de redenção.
Um jogo de espelhos
De luz e de sombra.
Que cada manha, é o ponto de partida inevitável
Para um lugar inventado
Onde podemos ser felizes de vez em quando.

Habitamos a ausência
Abismos de solidão.
Mas as nossas lágrimas, são de cristal.
Somos fragmentos de dor
Restos mortais de um sonho qualquer.
Mas vemos o sol nascer por baixo
E criamos sombras imortais.

Por isso, desejo que voltes
Para me embalar nas tuas asas,
Porque uma musa, não pode viver sem o seu poeta.
Irremediavelmente confinada a uma existência banal.

E o mundo ainda não te viu nascer…

para um amigo :-)

Submited by

domingo, outubro 26, 2008 - 18:38

Poesia :

No votes yet

JillyFall

imagem de JillyFall
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 43 semanas 9 horas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 874

Comentários

imagem de Henrique

Re: madrugadas

É bom desabafar a tristeza na poesia…

:-)

imagem de zizo

Re: madrugadas

Uma delícia de poema JillyFall!
Que o poeta dos teus sonhos chegue e te envolva eternamente com a sua luz.:-)

Beijo

imagem de MariaSousa

Re: madrugadas

Esse amigo deve ter-se deliciado com este poema. Eu também.

Belo!

Bjs

imagem de Ex-Ricardo

Re: madrugadas

Muito bonito:)

A ver se ele volta;)

Beijinhos amiga.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of JillyFall

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor miragem 8 970 12/10/2011 - 15:27 Português
Prosas/Contos Oásis 0 963 07/09/2011 - 01:08 Português
Prosas/Contos Madrugada 2 1.063 07/08/2011 - 00:31 Português
Prosas/Contos Estrela da Manhã 2 1.683 04/19/2011 - 21:21 Português
Prosas/Contos Estrela da Manhã 0 1.733 04/15/2011 - 03:16 Português
Fotos/ - 3322 0 2.029 11/23/2010 - 23:54 Português
Fotos/ - 942 0 2.182 11/23/2010 - 23:37 Português
Anúncios/Outros - Precisa-se angariador de publicidade à comissão 0 2.065 11/19/2010 - 14:38 Português
Poesia/Aforismo fuga 0 1.143 11/17/2010 - 17:31 Português
Poesia/Fantasia saudade 0 2.171 11/17/2010 - 17:31 Português
Poesia/Geral fuga 0 1.953 11/17/2010 - 17:31 Português
Poesia/Amor era uma vez... 7 1.272 03/28/2010 - 16:44 Português
Prosas/Contos A Borboleta 1 1.033 03/28/2010 - 10:47 Português
Poesia/Amor viagem 2 1.066 03/27/2010 - 03:04 Português
Poesia/Amor diz-me.. 2 1.161 03/27/2010 - 02:58 Português
Poesia/Meditação think pink! 2 1.113 03/04/2010 - 15:11 Português
Poesia/Geral reflexo 3 948 03/04/2010 - 12:49 Português
Poesia/Amor disseste 6 926 03/04/2010 - 12:28 Português
Poesia/Amor papagaio de papel 3 1.063 03/03/2010 - 15:47 Português
Poesia/Tristeza melodrama 3 1.155 03/03/2010 - 15:36 Português
Poesia/Dedicado hoje morri 5 1.132 03/03/2010 - 15:07 Português
Poesia/Dedicado dia de rosas vermelhas 6 1.039 03/03/2010 - 15:03 Português
Poesia/Dedicado manhã 7 880 03/03/2010 - 14:14 Português
Poesia/Amor estranho poder.. 4 414 03/03/2010 - 14:13 Português
Poesia/Amor paramos de fingir? 8 533 03/02/2010 - 17:26 Português