CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Mal acariciada pelo destino

Lamentas o tempo desperdiçado
A vida que se esvai pelos dedos
E a tristeza do que poderia ter feito
Diferença neste mundo.
Lamento de uma vida que percebe
Ter sido mal acariciada pelo destino.
Quantas coisas poderia ter sido diferente?
Quanto tempo jogado fora
Com coisas supérfluas?
Às vezes gastamos tão mal o nosso tempo
Que resta-nos só o sofrer
A angústia
O desejo da morte
Quando ela se torna bem-vinda ao chegar.
Às vezes costumamos pedir mais tempo
Alguns anos a mais de vida
Para quê?
Não aproveitamos o tempo que temos
E tudo se vai como sempre
As rotinas, o ócio e as imprudências
E o tempo se foi para sempre.
Talvez seja o tempo da reflexão
De uma mudança de atitude
Em relação a vida que estamos vivendo.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

sábado, fevereiro 6, 2021 - 21:57

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 13 horas 52 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 5416

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Pedaços de emoção 0 43 04/10/2021 - 19:31 Português
Poesia/Pensamentos Vejo o Rio Paraguai que desliza 0 83 04/09/2021 - 16:40 Português
Poesia/Amor Só mais uma vez... 0 83 04/08/2021 - 14:19 Português
Poesia/Intervenção Terra do pecado 0 65 04/07/2021 - 19:17 Português
Poesia/Pensamentos As palavras no mundo 0 88 04/07/2021 - 15:24 Português
Poesia/Meditação Paleolítico 0 93 04/06/2021 - 17:03 Português
Poesia/Tristeza Não sei se vou me acostumar 0 64 04/05/2021 - 18:55 Português
Poesia/Amizade Uma breve canção à amizade 0 106 04/04/2021 - 22:08 Português
Poesia/Meditação Ao derramar poeira de luto na cabeça 0 74 04/03/2021 - 13:24 Português
Poesia/Fantasia A reflexão do último dia da existência não absoluta do mortal 0 84 04/02/2021 - 14:42 Português
Poesia/Fantasia Nos jardins secretos da alma 0 274 04/01/2021 - 14:25 Português
Poesia/Meditação Recria tua vida 0 81 03/31/2021 - 13:30 Português
Poesia/Amor Revelação 0 78 03/30/2021 - 21:50 Português
Poesia/Amor Quando se pensa neste amor 0 88 03/30/2021 - 19:37 Português
Poesia/Intervenção Necropsia 0 123 03/29/2021 - 21:11 Português
Poesia/Meditação Se eu for fiel 0 99 03/28/2021 - 15:15 Português
Poesia/Meditação Covas abertas quando se falta o ar 0 170 03/27/2021 - 20:16 Português
Poesia/Fantasia As pedras entre os espinhos 0 144 03/26/2021 - 19:32 Português
Poesia/Amor Nascem as borboletas nas danças dos anjos 0 154 03/25/2021 - 20:02 Português
Poesia/Amor No profundo de sua alma 0 179 03/25/2021 - 14:26 Português
Poesia/Intervenção O mundo é um lugar estranho agora 0 97 03/24/2021 - 19:38 Português
Poesia/Desilusão Pequenos ruídos de uma alma inquieta na manhã do tempo 0 116 03/23/2021 - 21:07 Português
Poesia/Intervenção Flagelos 0 125 03/22/2021 - 19:30 Português
Poesia/Meditação Será que estou no lugar certo? 0 157 03/19/2021 - 18:58 Português
Poesia/Tristeza Nas caladas do silêncio 0 190 03/18/2021 - 19:36 Português