CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A Morte do Meu Sorriso

Meu sorriso morreu.
Mataram meu sorriso
Morreu por equívoco
Não sei…
Afinal não se anda por aí sorrindo
É perigoso!
Mas a perícia não encontrou vestígio de equívoco na morte do meu sorriso
Sabia-se que ele ria sem seguro-sorriso
Ria sem ter declarado o imposto
Ria sem ter casa pra ficar
Sem carro pra levá-lo
Andava a pé, pois tinha saúde, claro
Mas não tinha plano-sorriso
Ria sem alvará da prefeitura
Ele se equivocou talvez
Pois não tinha liquidez…
Era preciso liquidez pra sorrir
Senão fica-se frívolo, fraco
Qualquer um pode matá-lo
Era preciso ter status
Ele não sabia
Não lia jornal
Era um sorriso desinformado
Não sabia da eterna crise financeira mundial
Nâo sabia que a moda era ser bilionário
Não sabia do elevado número de assassinatos
Não sabia que a guerra era um mal necessário
Nâo sabia que o homem era um animal desgraçado
Então ele morreu enquanto ria
Envenenado do amargor
De uma piada sem graça
Mas de qualquer forma morreu sorrindo

__________________________________________________________________________

Submited by

quinta-feira, setembro 12, 2013 - 20:13

Poesia :

No votes yet

carlfilho

imagem de carlfilho
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 anos 4 semanas
Membro desde: 05/25/2009
Conteúdos:
Pontos: 519

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of carlfilho

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Anticorpo 0 519 09/18/2014 - 18:09 Português
Poesia/Geral Deixa 0 555 01/30/2014 - 20:10 Português
Poesia/Tristeza A Morte do Meu Sorriso 0 619 09/12/2013 - 20:13 Português
Poesia/Geral O Número 1 348 03/15/2013 - 17:48 Português
Poesia/Geral Os animais 3 703 03/15/2013 - 17:39 Português
Poesia/Geral Parceria Eterna 2 1.129 11/27/2012 - 17:54 Português
Poesia/Geral Boa Noite 4 1.000 11/27/2012 - 16:56 Português
Poesia/Tristeza Caixeiro Viajante 1 752 11/26/2012 - 20:41 Português
Poesia/Tristeza Coração Notívago 2 923 11/26/2012 - 20:26 Português
Poesia/Geral Pulvi es (et pulverem reverteris) 2 1.278 11/23/2012 - 22:29 Português
Poesia/Geral A Idéia Assombra 1 866 11/23/2012 - 15:57 Português
Poesia/Fantasia O Misantropo 3 1.187 11/23/2012 - 15:45 Português
Poesia/Geral Isto Posto 4 630 11/21/2012 - 19:23 Português
Poesia/Paixão Desarme 1 464 11/21/2012 - 18:39 Português
Poesia/Geral Estranho Decorrer 1 623 11/20/2012 - 22:08 Português
Poesia/Amor Meu Amor Imaginário 1 586 04/20/2012 - 18:22 Português
Poesia/Soneto Soneto do Rei Álacre 0 658 01/11/2012 - 16:20 Português
Poesia/Meditação Faz toda a diferença 0 579 01/10/2012 - 15:00 Português
Poesia/Meditação Gosto Daqui... 1 546 12/16/2011 - 02:13 Português
Poesia/Amizade Adenium 0 648 12/15/2011 - 13:36 Português
Poesia/Fantasia O Tédio 0 586 12/09/2011 - 13:33 Português
Poesia/Fantasia Devida Verve 0 583 12/07/2011 - 13:16 Português
Poesia/Tristeza Asfalto 1 855 11/28/2011 - 19:47 Português
Poesia/Tristeza Punhais 0 593 11/28/2011 - 16:57 Português
Poesia/Fantasia Idas 0 907 11/08/2011 - 20:55 Português