CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Mr. Ego

O homem revestido de ego não presta atenção
Não percebe o que dizem pois só ouve a sí mesmo
Engorda porque come dando discursos
E só pára quando não tem mais platéia.

O homem e seu ego caminham imponentes
No exagerado exercício de fazer-se notado
Fala mais alto e se aprimora em novas piadas sarcásticas
Pois uma vez que arranca risos, será convidado outra vez.

Sabe que o mundo é mesmo um poço de carências
E se aproveita dele com maestria e algum desespero
Pois se ele vive nesse mundo...
Porque tão poucos percebem o quão mortal ele é?


O homem revestido de ego
É revestido porque quando apenas vestido morre de frio
O frio da solidão e da insegurança de todos os mortais
E sim, as vezes ele se percebe como tal.

Talvez você o conheça
Talvez...melhor do que ele mesmo
E talvez algum dia ele mesmo se conheça
Mas nesse dia, meu amigo, melhor que seja seu último dia. 

Submited by

terça-feira, janeiro 11, 2011 - 18:14

Poesia :

No votes yet

solanjedere

imagem de solanjedere
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 7 anos 18 semanas
Membro desde: 03/31/2010
Conteúdos:
Pontos: 243

Comentários

imagem de antonioduarte

Mr. Ego

Gostei do seu poema, em especial:

"O homem e seu ego caminham imponentes
No exagerado exercício de fazer-se notado
Fala mais alto e se aprimora em novas piadas sarcásticas
Pois uma vez que arranca risos, será convidado outra vez"

Sim...

Uma verdade  transformada em poesia. Parabéns.

Abraço.

imagem de solanjedere

Olá

Verdades inconvenientes,  por tanto...verdades!

 

Grata por passar ;)

imagem de solanjedere

Olá!

Obrigado por comentar.

Temos muitos Mr. Egos entre nós, talvez um pouco em nós mesmos. Não é?

 

Um beijo!

imagem de Henrique

Mr. Ego

Só o titulo já é por si um bom poema!!!

 

Quanto ao resto, está um desabafo conciso!!!

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of solanjedere

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Aforismo Devil in a bottle (ou uma paranóia normal) 1 452 11/16/2012 - 17:37 Português
Fotos/Outros Gent, Belgium 0 925 11/16/2012 - 01:18 Português
Fotos/Outros It's Turkey, bitch! 0 1.011 11/16/2012 - 00:41 Português
Poesia/Aforismo O sexo é frágil 0 990 09/13/2012 - 22:18 inglês
Poesia/Aforismo Hay que decir adiós 0 772 09/11/2012 - 17:21 Espanhol
Fotos/Natureza My ppl. 0 1.077 08/16/2012 - 23:02 inglês
Fotos/Artes 4 july job 0 1.109 08/16/2012 - 22:59 inglês
Fotos/Paisagens Florianópolis - SC- Brasil 0 1.188 08/16/2012 - 22:44 inglês
Poesia/Acrósticos Esa gente feliz 2 955 08/16/2012 - 18:20 inglês
Prosas/Contos Também sou para casar, Rodrigo! 0 679 11/15/2011 - 03:28 Português
Poesia/Meditação Sobre homens, camelos e desertos 1 916 05/06/2011 - 00:03 Português
Fotos/Eventos Sarau no Gorila Café, 22/03/2011 0 3.979 03/26/2011 - 15:43 Português
Poesia/Geral Sangue 2 775 02/23/2011 - 22:38 Português
Poesia/Pensamentos Madrugada adentro... 0 872 02/06/2011 - 16:43 Português
Poesia/Meditação Anestesia 0 837 02/05/2011 - 09:43 Português
Poesia/Soneto Ontem 0 879 02/05/2011 - 09:39 Português
Poesia/Dedicado Crenças 0 727 02/05/2011 - 09:37 Português
Poesia/Soneto Carta aos meus inquisidores sociais 0 1.016 02/05/2011 - 09:34 Português
Poesia/Soneto Manipulações 2 714 02/05/2011 - 09:32 Português
Poesia/Aforismo Quando Tudo Está Perdido 2 854 02/05/2011 - 09:31 Português
Poesia/Dedicado Mr. Ego 4 1.189 02/05/2011 - 09:26 Português
Poesia/Soneto Profugos 2 1.114 02/05/2011 - 09:20 Espanhol
Poesia/Amizade Every little piece of pain... 0 793 01/11/2011 - 18:12 Português
Poesia/Soneto Indiferença 0 595 01/11/2011 - 18:08 Português
Poesia/Aforismo De Cama 0 896 01/11/2011 - 18:06 Português