CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

NÃO É POSSÍVEL

Não é possível

 

 

 

Voltar a ser criança eu queria ser,

Não ao tempo daquele viver,

Antes preferia não ter nascido,

Aquele tempo não foi meu amigo,

Fez-me uma criança diferente,

E o meu passado não mente.

 

Ao tempo da minha criança,

Era uma é poça de pouca esperança,

Os dias e as noites eram iguais,

Quer com bonanças ou vendavais,

Tinha água para beber,

Mais nada tinha para comer.

 

Por isso essa criança eu não queria ser,

Não me queria voltar a entristecer,

Andando todo roto ou remendado,

Como um pobre malfadado,

Tinha vergonha do meu ser apresentar,

Quando fosse a qualquer lugar.

 

Não queria que de mim tivessem pena,

Sentia-me como ator fora de cena,

Que não tinha forças para representar,

Eu queria e não me deixavam gritar,

Que era gente e ninguém me ouvia,

E ser assim tão pobre não queria.

 

Quero ser velho e saudades eu não tenho.

Da criança que eu fui de triste cenho

Sou mais feliz agora por ter vencido,

Na vida que lutei e do meu viver sou querido,

Sou herói dos meus sonhos que sonhei,

Mas não me esqueço das pancadas que apanhei.

 

 

 

21 de Novembro de 2012-Estêvão

 

 

 

Submited by

quarta-feira, julho 27, 2016 - 09:58

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 semana 4 dias
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Pensamento 0 379 12/20/2019 - 17:18 Português
Poesia/Meditação Pensamento 0 251 12/20/2019 - 17:13 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 303 12/12/2019 - 18:00 Português
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 5 2.467 12/09/2019 - 13:23 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 957 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 1.215 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 1.742 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.411 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 2.026 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 2.376 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 1.783 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.781 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 1.022 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 1.224 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.198 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 2.425 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 1.767 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 1.456 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 1.000 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 1.608 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.111 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.265 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 1.087 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.299 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 2.222 12/21/2016 - 10:58 Português