CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Na linha

Olá! Prazer!
Meu nome é um apelido
Não existe nada de você que eu deseje saber
Nada sobre mim que interesse a você!
Não somos iguais!
No mínimo, sou melhor que você!
Minta a vontade!
Interessa saber quanta mentira você conta
E por quanto tempo poderá manter!
Nunca se sabe, se algum dia olharei em seus olhos pra poder ver...
Minta mais... Que seja bastante pra não mais lembrar
Aquilo que foi dito,ou o que quer que tenha esquecido de dizer!
Exalte os dotes que você não tem
Seja a pessoa ideal
Qual você nem sequer se assemelha
Seja especial à distancia, às cegas, aos olhos de ninguém
Alguém que provavelmente vai te esquecer!
Alguém qualquer que, também, não vale a pena conhecer!
Pois neste espelho ninguém se enxerga
Nem mesmo você...
Adeus! Até nunca mais!
Até nunca mais ver!
_____________________________________

Outras conversações em

http://carlinhoscavalcanti.blogspot.com.br/

abraço a todos

Submited by

sábado, setembro 10, 2011 - 21:58

Poesia :

No votes yet

carlfilho

imagem de carlfilho
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 anos 32 semanas
Membro desde: 05/25/2009
Conteúdos:
Pontos: 519

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of carlfilho

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Anticorpo 0 606 09/18/2014 - 19:09 Português
Poesia/Geral Deixa 0 634 01/30/2014 - 21:10 Português
Poesia/Tristeza A Morte do Meu Sorriso 0 718 09/12/2013 - 21:13 Português
Poesia/Geral O Número 1 393 03/15/2013 - 18:48 Português
Poesia/Geral Os animais 3 803 03/15/2013 - 18:39 Português
Poesia/Geral Parceria Eterna 2 1.207 11/27/2012 - 18:54 Português
Poesia/Geral Boa Noite 4 1.098 11/27/2012 - 17:56 Português
Poesia/Tristeza Caixeiro Viajante 1 876 11/26/2012 - 21:41 Português
Poesia/Tristeza Coração Notívago 2 1.006 11/26/2012 - 21:26 Português
Poesia/Geral Pulvi es (et pulverem reverteris) 2 1.367 11/23/2012 - 23:29 Português
Poesia/Geral A Idéia Assombra 1 970 11/23/2012 - 16:57 Português
Poesia/Fantasia O Misantropo 3 1.272 11/23/2012 - 16:45 Português
Poesia/Geral Isto Posto 4 746 11/21/2012 - 20:23 Português
Poesia/Paixão Desarme 1 566 11/21/2012 - 19:39 Português
Poesia/Geral Estranho Decorrer 1 757 11/20/2012 - 23:08 Português
Poesia/Amor Meu Amor Imaginário 1 677 04/20/2012 - 19:22 Português
Poesia/Soneto Soneto do Rei Álacre 0 780 01/11/2012 - 17:20 Português
Poesia/Meditação Faz toda a diferença 0 707 01/10/2012 - 16:00 Português
Poesia/Meditação Gosto Daqui... 1 628 12/16/2011 - 03:13 Português
Poesia/Amizade Adenium 0 755 12/15/2011 - 14:36 Português
Poesia/Fantasia O Tédio 0 692 12/09/2011 - 14:33 Português
Poesia/Fantasia Devida Verve 0 684 12/07/2011 - 14:16 Português
Poesia/Tristeza Asfalto 1 942 11/28/2011 - 20:47 Português
Poesia/Tristeza Punhais 0 689 11/28/2011 - 17:57 Português
Poesia/Fantasia Idas 0 1.008 11/08/2011 - 21:55 Português