CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

No silêncio do meu caminhar

Tudo é silêncio na noite fria do tempo
Onde procuro respostas para perguntas
Que nem eu mesmo sei quais são.
Não quero saber qual será o fim
Porque nem sei como aconteceu o início
Se é que houve um começo.
Ando devagar pela estrada à minha frente
E não tenho pressa de chegar
Pois não sei onde meus passos me levam.
Quero viver na solidão
Que me tira os seus olhos
E descansar-me na esperança
De encontrar o seu sorriso só mais uma vez.
Tudo é deserto por onde ando
E sinto na pele o sol escaldante
De uma tarde de verão.
Saber que você existe
Causa em mim uma angústia
De não poder estar junto a fonte da alegria.
Seus olhos tão meigos
Sempre estavam ali sozinhos
Como um convite ao amor.
Prossigo no silêncio do meu caminhar
E ouço a sua voz ao longe
E ouço também a sua risada
E sei que está feliz.
Meu coração bate mais forte
Quer te encontrar e não sabe como será
E eu paro de caminhar
Quero descansar de tudo isso.
Mas, em meus olhos já não há lágrimas
Para que as deixem cair.
Não há uma sombra sequer para recostar-me
E meus pés estão cansados.
Olho para o horizonte
Não sei se consigo chegar
No lugar de onde sai.
No silêncio do meu caminhar
As perguntas continuam sem respostas.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

http://odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

domingo, março 3, 2019 - 21:56

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 dias 1 hora
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 4382

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor As três faces do amor 0 15 07/03/2020 - 19:05 Português
Poesia/Amor Imaginação 0 15 07/02/2020 - 18:09 Português
Poesia/Amor Sonhos ao luar 0 30 07/01/2020 - 14:27 Português
Poesia/Meditação A primeira vez que me mataram 0 39 06/19/2020 - 17:53 Português
Poesia/Tristeza Saudades 0 45 06/19/2020 - 17:51 Português
Poesia/Pensamentos Devaneios de um poeta 0 32 06/19/2020 - 17:44 Português
Poesia/Pensamentos O atroz encanto de ser idiota 0 83 06/17/2020 - 17:07 Português
Poesia/Amor Amar é 0 50 06/17/2020 - 17:05 Português
Poesia/Tristeza A cidade que te esconde 0 55 06/17/2020 - 17:04 Português
Poesia/Amor Deixa o sol nos levar amor 0 111 06/09/2020 - 22:36 Português
Poesia/Amor Por amor 0 51 06/09/2020 - 22:35 Português
Poesia/Meditação O Curioso Caso de Paulo Coelho 0 66 06/09/2020 - 22:34 Português
Poesia/Meditação O Misterioso Homem na Praça Barão 0 70 06/01/2020 - 20:21 Português
Poesia/Amor Som da alegria 0 113 06/01/2020 - 20:19 Português
Poesia/Amor Poemas ao teu olhar 0 58 05/29/2020 - 22:23 Português
Poesia/Amor A canção do crepúsculo 0 58 05/27/2020 - 20:06 Português
Poesia/Tristeza Lágrimas da realidade 0 63 05/25/2020 - 21:34 Português
Poesia/Amor Do fundo do coração 0 52 05/25/2020 - 20:49 Português
Poesia/Tristeza Será que ela vai perceber a dor deste meu coração? 1 150 05/23/2020 - 12:35 Português
Poesia/Paixão O sorriso que vem do coração 0 66 05/21/2020 - 20:26 Português
Poesia/Paixão O sorriso que vem do coração 0 54 05/21/2020 - 20:23 Português
Poesia/Pensamentos O silêncio da reflexão 0 73 05/19/2020 - 20:46 Português
Poesia/Pensamentos O dizer do silêncio 0 135 05/14/2020 - 00:05 Português
Poesia/Meditação O sol também se levanta 0 81 05/12/2020 - 21:01 Português
Poesia/Tristeza Se você pudesse me amar 0 80 05/11/2020 - 20:38 Português