CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A Noite do Ébrio

Caminhei como ébrio pela noite
Sua falta doía muito em mim.
Nos bares não te encontrei
Nem nas latinhas de cerveja que tomei.
Na noite vaguei perdido
Em busca de teus braços.
Os amigos sumiram
Assim como a multidão
Não havia paz na minha vida
E nem no meu coração.
Conduzido pelo destino
Parei na frente de seu lar
Como um andarilho sem rumo
Eu queria apenas amar.
Você me atendeu
Mas, não sentiu nenhuma pena
Disse que eu não poderia fazer aquilo
Pois minha alma era pequena.
Pensei que ao te ver
Fosse amenizar minha dor
No entanto, o desespero aumentou
Pois eu precisava de amor.
Amor este que você já não dispunha
Para me oferecer.
Por isso voltei para casa
Sabendo que minha vida era sofrer.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, junho 11, 2019 - 18:52

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 17 horas 27 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 4075

Comentários

imagem de Joel

obrigado

obrigado

imagem de Joel

gosto muito da sua poesia, os

gosto muito da sua poesia, os meus parabéns

imagem de Odairjsilva

Obrigado

Sinto-me honrado com isso. A recíproca é verdadeira.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos Esgotamento mental 0 1.357 10/22/2018 - 22:33 Português
Poesia/Desilusão Coração insensível 0 546 10/13/2018 - 00:01 Português
Poesia/Tristeza Desfiladeiro 0 577 09/26/2018 - 23:48 Português
Poesia/Amor A brisa suave lá fora 0 786 09/25/2018 - 23:56 Português
Poesia/Amor Ao acordar ainda senti o seu perfume 0 484 09/25/2018 - 23:31 Português
Prosas/Contos O senhor acabou com a vida da minha mãe 0 905 09/18/2018 - 00:47 Português
Poesia/Tristeza O tempo que não passou em mim 0 560 08/31/2018 - 23:28 Português
Prosas/Drama Encontro fatal 1 1.506 08/02/2018 - 15:43 Português
Poesia/Meditação Na voracidade do tempo 0 885 07/04/2018 - 00:12 Português
Poesia/Meditação Escrevo e descrevo minh’alma 0 937 06/13/2018 - 00:33 Português
Poesia/Meditação Não deixe vacilar os meus pés 0 759 06/13/2018 - 00:31 Português
Poesia/Desilusão Espinhos 0 1.210 06/05/2018 - 19:48 Português
Poesia/Amor Veneno 0 1.372 06/04/2018 - 17:57 Português
Poesia/Pensamentos A dor do poeta 0 1.219 05/23/2018 - 19:05 Português
Poesia/Tristeza O lado escuro do sol 0 695 05/23/2018 - 02:25 Português
Poesia/Fantasia Pele morena 0 715 05/22/2018 - 02:05 Português
Prosas/Drama Nos olhos negros daquela mulher 0 755 05/21/2018 - 18:57 Português
Poesia/Desilusão Palavras vazias 0 866 05/19/2018 - 00:37 Português
Poesia/Desilusão Queria tanto 0 740 05/16/2018 - 01:59 Português
Poesia/Desilusão A invenção das inverdades 0 582 05/16/2018 - 01:24 Português
Poesia/Tristeza O trágico fim do amor 0 502 05/15/2018 - 18:44 Português
Poesia/Amor Debaixo da Figueira 0 694 05/14/2018 - 23:21 Português
Poesia/Amor Que seu coração era como as areias do mar 0 453 05/12/2018 - 00:01 Português
Poesia/Amor O anelo de um sonho lindo 0 618 05/08/2018 - 23:23 Português
Poesia/Amor E se eu não tivesse encontrado você 0 977 05/08/2018 - 22:37 Português