CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O amor que procurei a vida toda

Hoje me calei diante da magnitude do amor.
Ele é um sentimento sublime
E, ao mesmo tempo, inexplicável.
A vida é feita de momentos e a felicidade também.
Hei de esperar-te.
Demorei muito para encontrar meu verdadeiro amor.
E hoje sei que o encontrei.
Sabe por que sei que te amo?
Sei por que sinto meu coração pulsar
Mais acelerado toda vez que te vejo.
E quando não te vejo fico imaginando você.
Fico sonhando com o dia em que estaremos juntos.
Caminhando lado a lado rumo ao infinito.
Você está esplendidamente linda.
Uma blusa preta realça a beleza do seu corpo
E faz-me desejar-te loucamente.
Seus lábios são um convite ao amor.
Sinto meu coração bater mais forte.
Desejo-te muito além da minha imaginação.
Tens o encanto da flor que procurei
Em todos os jardins onde consegui
Colocar meus pés cansados da longa procura.
Sou um cavaleiro que almeja um descanso para a alma.
Você é à sombra da árvore no meio da planície.
Debaixo de suas folhas devo encostar-me
E sentir a brisa da tarde me mostrando
O quanto valeu a pena esperar por você.
Hoje te fiz uma pergunta bem simples:
O que você faria se encontrasse seu verdadeiro amor?
Você me respondeu que conquistaria essa pessoa.
Pois bem, é isso que resolvi fazer.
Você é o amor que eu procurei a vida toda.
Vou fazer o possível para conquistar seu coração
E fazer você uma mulher feliz.
Você merece ser feliz.
Tens muitas qualidades que merece ser valorizada
Por um homem que vá te dar muito carinho.
Prometo te amar e dar a afeição
Que você sempre quis na sua vida.
Você merece uma oportunidade para ser feliz.
Pense um pouco mais sobre sua vida.
Como te falei, não seja louca não,
Veja para quem dá seu coração.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, agosto 6, 2019 - 21:40

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 18 horas 29 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 4637

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos Terra dos pássaros 0 7 10/21/2020 - 19:26 Português
Poesia/Intervenção Por um punhado de dinheiro 0 11 10/20/2020 - 23:28 Português
Poesia/Meditação Condenado 0 7 10/20/2020 - 19:33 Português
Poesia/Amor Ela apenas sorriu 0 24 10/15/2020 - 22:36 Português
Poesia/Paixão Sentimento de paixão! 0 32 10/15/2020 - 22:33 Português
Poesia/Amor Só os seus olhos podem salvar-me 0 23 10/15/2020 - 22:15 Português
Poesia/Paixão Um peregrino (mal)dito 0 22 10/14/2020 - 21:19 Português
Poesia/Desilusão Os olhos da esperança se foram 0 24 10/13/2020 - 14:33 Português
Poesia/Amor Em seus olhos vi florescer 0 39 10/10/2020 - 00:49 Português
Poesia/Geral Livro à venda! 0 48 10/08/2020 - 20:07 Português
Poesia/Pensamentos Braços da eternidade 0 26 10/08/2020 - 19:56 Português
Poesia/Tristeza Batidas do coração 0 38 10/05/2020 - 22:03 Português
Poesia/Desilusão Meu coração diz o contrário 0 25 10/01/2020 - 22:10 Português
Poesia/Desilusão Quem sabe? 0 35 09/30/2020 - 19:27 Português
Poesia/Desilusão A face do mal 0 33 09/28/2020 - 21:44 Português
Poesia/Meditação Nas garras da ambição 0 34 09/25/2020 - 19:16 Português
Poesia/Meditação Viver 0 28 09/24/2020 - 19:50 Português
Poesia/Desilusão De mim só terá a saudade 0 25 09/23/2020 - 18:57 Português
Poesia/Amor As coisas que tenho na alma 0 27 09/22/2020 - 19:19 Português
Poesia/Meditação À sombra da ausência de Deus 0 31 09/21/2020 - 20:00 Português
Poesia/Paixão Seus olhos se encontraram na luz suave 0 26 09/17/2020 - 21:34 Português
Poesia/Desilusão Coração rasgado 0 31 09/16/2020 - 18:47 Português
Poesia/Desilusão E eu não estarei mais no mesmo lugar 0 41 09/11/2020 - 21:35 Português
Poesia/Tristeza Perseguindo as sombras 0 54 09/10/2020 - 19:07 Português
Poesia/Pensamentos As artimanhas da noite 0 69 09/08/2020 - 18:44 Português