CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O MEU PRINCÍPIO

O meu princípio

 

Eu vim de muito longe, de tão longe,

Que não me lembro de onde,

Tive o meu princípio desta minha viagem,

No tempo e ainda não me deu sinal de paragem.

 

Encontrei o meu caminho com o meu conhecimento,

Fazendo algumas fugas atrás do tempo,

Com olhos hesitantes, maliciosos mas sem infância,

Mas revelavam esperteza, malícia e experiência.

 

Tinha gestos vivos como os de um passarinho,

Que brincava de dia e à noite dormia no meu ninho,

E de manhã muito cedo começava logo o meu dia,

Houvesse chuva, frio ou Sol, o meu caminho sabia.

 

A dor do nada, nunca a minha voz fez calar,

Gritei sempre para ser ouvido dentro meu lugar,

Ninguém me ouvia para que me dessem a mão,

Para que me passasse a dor que sentia no coração.

 

Nunca desisti de gritar para dentro de mim,

Revoltado por ser uma flor nascida fora de um jardim,

E alguém não sei de onde, talvez do firmamento,

Me enviou duas mãos que mudaram a vida e o pensamento.

 

De flor nascida no meio agreste tenho um campo verdejante,

Da cor da esperança e o meu caminho foi mais aliciante,

O nada me deixou, morreu nunca mais o vi,

E assim a sorte e a vida começaram a sorrir para mim.

 

Nunca mais deixei de sorrir e agora sinto-me feliz,

Nada me falta, tenho amor que sempre quis,

E mais amores surgiram para me darem mais alegria,

E a minha vida mudou como eu desejava e queria.

 

A luta que travei foi árdua mas compensada,

Valeu a pena lutar para expulsar de vez o nada,

Agora, como ancião que já sou

A minha voz sempre se ouviu nunca mais se calou.

 

 

 

Tavira, 18 de Janeiro de 2012-Estêvão

Submited by

terça-feira, agosto 19, 2014 - 09:54

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 17 semanas 5 dias
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Pensamento 0 341 12/20/2019 - 17:18 Português
Poesia/Meditação Pensamento 0 212 12/20/2019 - 17:13 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 258 12/12/2019 - 18:00 Português
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 5 2.400 12/09/2019 - 13:23 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 893 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 1.158 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 1.686 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.366 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 1.984 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 2.324 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 1.741 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.725 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 965 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 1.159 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.137 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 2.368 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 1.723 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 1.392 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 971 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 1.556 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.076 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.197 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 1.049 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.262 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 2.159 12/21/2016 - 10:58 Português