CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

OLHANDO O CÉU

Olhando o céu

 

 

Gosto tanto de olhar para o céu,

Que entra nos meus olhos que Deus me deu,

Vejo a cor azul mas não a consigo apalpar,

É com ela que eu vivo e posso respirar,

Vou pensando e tendo ambição,

E vou sentindo o bater do meu coração.

 

É com o Sol que eu posso olhar esta linda cor,

E encher a minha alma de amor.

De noite tenho o céu e olho as estrelas,

Com os meus olhos eu gosto de vê-las,

Mas sei que não posso lá chegar,

Mas olhando o céu eu posso sonhar.

 

Olho para o alto que fica tão longe,

E desconheço os mistérios que ele esconde,

Vou puxando pela minha imaginação,

Com os meus pés bem assentes no chão,

De olhos fechados eu vou e venho num instante,

Na minha qualidade de virtual visitante.

 

Para lá da cor azul eu nada mais alcanço,

E nos meus sonhos eu apenas avanço,

Imaginando e vendo o que posso lá encontrar,

Para lá deste espaço onde não posso respirar,

Mas a minha fértil e imensa imaginação,

Eu olho para o céu sentindo a minha respiração.

 

Nas noites escuras ainda mais longe eu chego,

Indo atrás das estrelas que eu do chão vejo,

Não com os meus olhos que não posso lá chegar,

Mas com a força do meu ténue pensar,

Percorro o infinito para além de mim,

Deste meu lugar de onde eu nunca parti.

 

E assim eu viajo através do meu pensamento,

Que não é preciso nem esforço nem talento,

Basta apenas usar a minha imaginação,

Que não é loucura é apenas abnegação,

Num espaço de tempo de que posso dispor,

Para sonhar e sentir o que não posso transpor.

 

 

Tavira, 27 de Fevereiro de 2012-Estêvão

Submited by

quarta-feira, janeiro 14, 2015 - 11:35

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 17 semanas 10 horas
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Pensamento 0 338 12/20/2019 - 17:18 Português
Poesia/Meditação Pensamento 0 208 12/20/2019 - 17:13 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 256 12/12/2019 - 18:00 Português
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 5 2.390 12/09/2019 - 13:23 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 888 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 1.151 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 1.679 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.361 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 1.980 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 2.314 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 1.727 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.722 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 961 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 1.154 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.136 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 2.360 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 1.720 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 1.386 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 967 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 1.543 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.073 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.188 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 1.045 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.249 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 2.152 12/21/2016 - 10:58 Português