CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

REVEJO-ME

Entorpecida
encosto a cabeça
ao muro da saudade.

Revejo-me
embaciando o espelho da mentira.

Quero num suspiro
apagar a inquietude destes olhos,
deixando que a chuva me cante
e o vento me toque.

Aspiro-te
nas falésias gotejantes
de um luar esperado
no contorno da paixão inebriante.

Aspiro-te
num beijo fugaz
em tons de melancolia
onde passa a desolação
das gotas caídas
na folhagem amarelecida da vida.

Submited by

terça-feira, dezembro 1, 2009 - 01:31

Poesia :

No votes yet

mariamateus

imagem de mariamateus
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 semanas 23 horas
Membro desde: 02/24/2009
Conteúdos:
Pontos: 2987

Comentários

imagem de apsferreira

Re: REVEJO-ME

Belo texto, pleno de sentimento.
Gostei muito.
:-)

imagem de Anita

Re: REVEJO-ME

E como prefiro as folhas amarelas e velhas de um livro, porque torna-se belo, forte, indestrutível e apaixonante. Do mesmo modo vejo isto nas folhagens amarelecidas das vidas, o amarelo do tempo, do passado, do sentido e tudo mais.

Anita

imagem de LilaMarques

Re: REVEJO-ME

MariaMateus,

Estou arrepiada com este poema, com a intensidade da emoção dele trespassada, da beleza paradoxal que termina em um imenso desolamento...

Lindo! Parabéns!

Um beijo. :-)

imagem de jopeman

Re: REVEJO-ME

Revejo-me, ocasionalmente, nestes versos que adorei.

Gostei imenso

Bjos

imagem de Dianinha

Re: REVEJO-ME

Declamei este poema para mim mesma e até me arrepiei...

Está magnifico, forte, repleto de amor!
Adorei!

Beijinho com carinho maria..
Sua fã! :-)

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: REVEJO-ME

Maria Mateus.

A este meditar só posso me encantar!

Um abraço,
REF

imagem de analyra

Re: REVEJO-ME

Absolutamente magnífico, amei.
És uma grande poetisa. Sentido, estético, forma imagens.
Lindo mesmo.
Grande abraço.

imagem de MarneDulinski

Re: REVEJO-ME

Lindo poema, Gostei!
MarneDulinski

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of mariamateus

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza NADA, É O QUE ME CONFORTA ESTA SOLIDÃO 0 861 08/01/2011 - 17:05 Português
Poesia/Amor MIL MARÉS NUM MAR A DOIS 1 820 07/30/2011 - 14:19 Português
Poesia/Pensamentos TALVEZ 3 811 07/30/2011 - 13:53 Português
Poesia/Amor VERDE ESPERANÇA 0 972 07/28/2011 - 15:01 Português
Poesia/Dedicado MÃE 0 614 07/14/2011 - 14:07 Português
Poesia/Pensamentos LABAREDAS GÉLIDAS 0 577 07/14/2011 - 13:51 Português
Poesia/Meditação O AMOR É DOR E PARTILHA 0 1.334 07/14/2011 - 13:42 Português
Poesia/Pensamentos ORA ANGÉLICO ORA PERVERSO 0 700 07/14/2011 - 13:41 Português
Poesia/Tristeza SEM FIM À VISTA 0 591 07/14/2011 - 13:39 Português
Poesia/Tristeza A LÁGRIMAS E FOGO 0 886 07/14/2011 - 13:38 Português
Poesia/Pensamentos ONDE ESTOU? 0 1.532 07/14/2011 - 13:36 Português
Poesia/Pensamentos SOZINHA NO MEIO DA MULTIDÃO 1 1.003 07/09/2011 - 02:35 Português
Poesia/Tristeza VAZIO QUE OCUPA AS HORAS LENTAS 2 1.624 07/06/2011 - 20:15 Português
Poesia/Alegria A VIDA FAZ-ME BEM! 3 536 07/06/2011 - 20:10 Português
Poesia/Aniversários PARABÉNS NUNO RICARDO!!! 1 1.154 07/06/2011 - 01:12 Português
Poesia/Pensamentos QUANDO MEU ROSTO FOR OUTONO 0 788 06/29/2011 - 15:38 Português
Poesia/Tristeza NOITE 0 518 06/29/2011 - 15:23 Português
Poesia/Intervenção VAI-TE! 0 709 06/29/2011 - 15:12 Português
Poesia/Meditação FUI O ISCO PERFEITO 2 1.046 06/28/2011 - 19:55 Português
Poesia/Tristeza DILACERADA PELA PERDA 1 694 06/28/2011 - 19:50 Português
Poesia/Tristeza FLORIDA NO CARVÃO QUE PINCELA A VIDA 0 509 06/26/2011 - 20:08 Português
Poesia/Tristeza DEPOIS DE AMANHÃ TANTOS AMANHÃS 0 575 06/26/2011 - 19:49 Português
Poesia/Tristeza PRISIONEIRA DE MIM 0 809 06/26/2011 - 19:39 Português
Poesia/Pensamentos INSÓNIA 1 671 06/25/2011 - 17:35 Português
Poesia/Amor ENTREGAR-ME AO MELHOR QUE TIVE AO TER-TE 1 775 06/25/2011 - 17:31 Português