CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Setembro

Quero sentir de novo esses teus braços
Quero sentir de novo esse teu calor
Toca na minha pele, vê o quanto ela é suave
Toca nos meus lábios e vê o quanto eles estão ansiando pelos teus

Sente este amor, que já saí do meu peito
Sente este prazer que grita só de te ter
Ama-me como nunca me amaste
Beija-me como nunca me beijaste
Agarra-me como nunca me agarraste

Não te escapes, não me escorregues pelos dedos
Fica mais um minuto, fica mais uma hora
Ainda não me contaste o teu segredo, ainda não me contaste a tua história
Ainda não mostraste que homem és tu

Serás um homem vagabundo… ou um homem que tem o mundo?
Serás um homem cheio de palavras… ou um homem que guarda tudo?

Liberta-te desse teu espírito, liberta-te desse teu rancor
E depois chama outra vez por mim
Faremos com que a chama se acenda de novo
Faremos com que o nosso amor volte de novo

 

Submited by

quarta-feira, fevereiro 9, 2011 - 22:53

Poesia :

No votes yet

Noémia

imagem de Noémia
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 32 semanas
Membro desde: 02/01/2011
Conteúdos:
Pontos: 32

Comentários

imagem de MarneDulinski

Comentário para Noémia!

Lindo seu poema, me encantei, talvez até, respeitosamente, gostasse de

ser o personagem deste!

Meus paabéns,

MarneDulinski

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Noémia

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor És aquele homem... 2 329 11/23/2011 - 21:28 Português
Poesia/Pensamentos Perdi as palavras 1 321 02/13/2011 - 20:20 Português
Poesia/Amor Só te Queria a Ti e Aí era Feliz 1 413 02/11/2011 - 16:33 Português
Poesia/Amor E o vento levou! 0 334 02/10/2011 - 11:57 Português
Poesia/Amor Amar é Possível 0 408 02/10/2011 - 11:49 Português
Poesia/Paixão Setembro 1 445 02/10/2011 - 00:58 Português