CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Silêncio e paz

Nestes tempos que sucedem anseio silêncio
Necessito agora de quietação
Não quero saber de sentenças e confabulações
De dúvidas chocantes alienadas
Não quero saber de desabafos, em soltas emoções!

Quero partir para um remanso bem longe
Para lá da cidade abrupta, confusa e indiferente
Quero viajar até à montanha genetriz
Percorrer solitariamente as veredas até à nascente do rio
Em pequenos lagos poder banhar-me feliz!
Transformada em integridade translúcida
Fechar os olhos e deslizar pela água diáfana
Nua de corpo e espírito recrudescida paz
Onde os pássaros e animais selvagens
Vêm matar a sede com o néctar que os satisfaz!

Quero desaparecer sob árvores seculares
Apreciar o verde dos seus ramos ao vento
Cheirar a brisa dos pinheiros e das giestas em flor
Parar lá no alto e contemplar a visão dos deuses
Fechar os olhos e respirar pureza em lugar de dor
Quero alcançar a nascente imaculada
A origem dos rios que correm à superfície
Em dádivas de vida cândida e amada!

.Depois entrar na caverna onde se anicha
A seiva do paraíso e inundar-me da frescura
Do enigma dos subterrâneos da Terra
E aí em consciência decidir mais uma vez
Mesmo que implique amargura!

Porque não somos nós que destinamos em função dos desejos
Mas sim o que as vivências nos coagem a dirimir
E mais uma vez me obrigo a moldar-me aos lances sem fim
Porque há um mundo intuitivo de sonho que eu comando
E um mundo real e racional que me comanda a mim!

Submited by

sábado, julho 12, 2008 - 09:37

Poesia :

No votes yet

AnaMaria

imagem de AnaMaria
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 7 anos 15 semanas
Membro desde: 05/14/2008
Conteúdos:
Pontos: 431

Comentários

imagem de Henrique

Re: Silêncio e paz

Um poema escrito com alma!

:-)

imagem de mariamateus

Re: Silêncio e paz

Quero desaparecer sob árvores seculares
Apreciar o verde dos seus ramos ao vento
Cheirar a brisa dos pinheiros e das giestas em flor
Parar lá no alto e contemplar a visão dos deuses
Fechar os olhos e respirar pureza em lugar de dor
Quero alcançar a nascente imaculada
A origem dos rios que correm à superfície
Em dádivas de vida cândida e amada!

Adorei, este poema.
Parabéns poetisa!!
Beijo ;-)

imagem de Tommy

Re: Silêncio e paz

Começamos por ler as tuas palavras e abandonamos a tua meditação para entrar na nossa propria, guiados pelas emoçoes que transpiras , pelos momentos pelos quais nos guias, ate chegar ao ponto de nao entender como pode tanta beleza caber dentro do teclar de letras sobre o pc...

imagem de zizo

Re: Silêncio e paz

"Porque há um mundo intuitivo de sonho que eu comando
E um mundo real e racional que me comanda a mim!"

Brilhante. Gostei de sorver as tuas palavras até à última gota. Parabéns :-)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AnaMaria

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Amor e paixão 5 693 02/19/2012 - 12:00 Português
Videos/Perfil 135 0 935 11/24/2010 - 21:48 Português
Fotos/ - 367 0 884 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - 360 0 961 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - 359 0 967 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - 366 0 1.052 11/23/2010 - 23:35 Português
Poesia/Meditação Castelos de ilusões 3 532 02/27/2010 - 20:32 Português
Poesia/Tristeza Ausência 6 644 02/27/2010 - 19:16 Português
Poesia/Tristeza Lua de afectos 4 612 02/27/2010 - 19:10 Português
Poesia/Desilusão Bússula esquecida 6 580 02/27/2010 - 18:37 Português
Poesia/Meditação Desventura 3 614 02/27/2010 - 18:33 Português
Poesia/Meditação Veias de sangue e tinta 2 558 02/27/2010 - 15:21 Português
Poesia/Tristeza Caminhar 4 604 02/27/2010 - 14:37 Português
Poesia/Aforismo Ablução 5 682 02/26/2010 - 18:18 Português
Poesia/Dedicado Perdoa! 4 696 02/26/2010 - 17:54 Português
Poesia/Amor O esvoaçar da tua voz 3 448 02/26/2010 - 17:20 Português
Poesia/Paixão Quebra-cabeças 4 421 02/26/2010 - 17:08 Português
Poesia/Tristeza Vida inacabada 2 523 02/26/2010 - 17:02 Português
Poesia/Dedicado Beijo de liberdade 3 576 02/26/2010 - 13:49 Português
Poesia/Amor Saudades do teu abraço 3 465 02/26/2010 - 13:46 Português
Poesia/Amizade Só a mim pertenço!... (Vony Ferreira e Ana Maria Oliveira) 4 537 02/26/2010 - 13:44 Português
Poesia/Meditação Silêncio e paz 4 527 02/26/2010 - 13:38 Português
Poesia/Dedicado Se um dia... Mulher! 3 621 02/26/2010 - 13:31 Português
Poesia/Dedicado Perdão 2 521 02/26/2010 - 13:27 Português
Poesia/Amizade Repousa no meu ombro 2 728 02/26/2010 - 13:23 Português