CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Tão-somente eu

Porquê?
Porquê eu
E porque não a noite
Se a vejo tão nítida
Tão brilhante
Tão terna e refrescante
E eu neste retiro
Que me engasga as palavras
E me toma de um jeito tão seu

O céu é um círculo aberto
Visto da minha janela
E eu
Tão-somente eu
Trémula na voz
Que não me diz de mim
Em lugar nenhum

Porquê?
Porquê eu
Neste longínquo espaço
Onde me procuro
E não me encontro
Não sinto os braços
Nem as pernas
E não ouço os meus passos

Os olhos
Tranquei-os por dentro
Deste frenesim
Que me toma de um jeito tão meu

Não me sei perto de um farol
E as luzes são tão intensas na rua
E eu tão alucinadamente, eu
Nas vistas da minha janela

O rio ao fundo, dorme
E eu não sonho
Nem nada que me faça sentir pelo menos
Um nada, somente…

Porquê eu
Se me apego às estrelas caídas
E nem elas me seguem
Neste caminhar contra o tempo

Porquê eu?

Submited by

segunda-feira, setembro 13, 2010 - 13:30

Poesia :

No votes yet

ÔNIX

imagem de ÔNIX
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 19 semanas
Membro desde: 03/26/2008
Conteúdos:
Pontos: 4027

Comentários

imagem de Henrique

Re: Tão-somente eu

Poema fantástico!!!

"E não ouço os meus passos"

Só isto diz tudo!!!

És maravilha!!! Somente...

:-)

imagem de AnaMar

Re: Tão-somente eu

Porque somos parte de um todo ainda incompreensível mas belo.
Porque se deixarmos de (nos) interrogar a morte apanha-nos deixando-nos apaenas sobreviver em vez de VIVER(mos)
Porque TU em poesia e prosa para que os OUTROS (EU) possamos usufruir/pensar interrogar.
Porque NÃO TU?

Um bj

imagem de nunomarques

Re: Tão-somente eu

Olá Ónix

A pergunta existencialista, na existência de uma ferida existencial…
Porque o céu é uma palavra que se solta do peito
Porque o espaço é uma valsa aprisionada nos passos
Porque os faróis são sentidos inventados aos olhos
E todas as estrelas caídas, se levantarão por te acompanhar.

Um prazer imenso te ler.
Beijo

imagem de PessoasBoas

Re: Tão-somente eu

Então eu volto para lhe dizer:
"Que muito amei o seu poema".

Porque eu
Se me apego às estrelas caídas
E nem elas me seguem
Neste caminhar contra o tempo

Porquê eu?

Talvez por você ser uma estrela na terra.
elas não queiram contigo estar...Ônix

Tem seu brilho próprio. E ele é tão intenso!
Que cega o brilho das demais estrelas.

Ainda que não nos compreendamos a nós mesmo!
Ou o porquê de certas situações só acontecerem conosco.?
Sabemos sim; que se existimos é por um bom motivo.
Se existimos há um plano!
Ninguém tem o poder de gerar a si mesmo.
Se eu pudesse??ah não teria vindo a esse mundo não.

Se eu existo...........”Alguém me fez...”
E o papél de nossas vidas, na inocência é
no mínimo caminhar.
De cabeça erguida,
Ou de cabeça baixa não importa.
“Pesos nos fazem reclinar.”
Porém sigo em frente.
( E piso em cactos)

Na fecundação de meu início,
Fui o único vencedor.
Quem entre os seres existentes é um derrotado??!!( não há)
Não há nessa vida quem não seja vencedor.
Apenas devemos caminhar até o fim da vida,
(((Porque))) morrer é o pódio!!
E que saibamos até morrer!!!
Sem desistir da vida.... já é um bom motivo.
chegar até o último dia da vida e dizer:
“Enfim cheguei...
E se não houver forças nesse dia para falar,
Apenas saia de cena...e deixe a saudade para aqueles
Que ti amam.

E vivamos nós as dores de hoje!
Em busca da Glória de amanhã...

Eu tenho certeza

Um grande abraço
Pessoas boas

imagem de PessoasBoas

Re: Tão-somente eu

Ola Ônix! Como vai?

Realmente...Muitas vezes tenho feito essa mesma pergunta em meu dia-a-dia.
Acredito eu que nossa vida ( essa que vivemos hoje) Tem muito haver com a vida espiritual.
Acredito seriamente que isso aqui (viver),
seja sim um desafio para ser vencido por cada um de nós. Para com isso, chegarmos em algum lugar.( Que lugar??”Quem sabe aos céus? O limite?? Mais que isso...)
Ai entra aquela frase que diz: Cada um pegue sua cruz e “siga me”.
.O dia-a-dia é um desafio.
.A noite é um descanso. (nem sempre...)
.Amanhecer o dia seguinte é o leão VENCIDO.
.Olhar pro céu e agradecer é algo bonito.
( E tem sido dessa forma que tenho sobrevivido.)

.O porque é a pergunta que não cala....
Somos nós quem fala: “O que será do porque quando for revelado, que; a resposta esta no amanhã que nunca morre? Dizendo: Vou até o fim em busca de respostas...

Coisas confusas...quis eu comentar

Gostei. Bela colocação de palavras que nos fazem pensar...

Parabéns

Pessoas Boas

imagem de Mralves

Re: Tão-somente eu

Momentos de indefinição todos nós temos. Poucos são aqueles que o expressam desta forma. Brilhante. Gostei muito.

imagem de Mefistus

Re: Tão-somente eu

Porquê tu?
Porquê essa inquietude, esse teu estado ausente, num divagar existente e constante.
Muito forte, muito introspectivo, muito...

Perfeito.

Como tu, talvez Tu!

Porquê?

Um abraço!

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of ÔNIX

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Acordar da Manhã 2 1.572 03/22/2018 - 22:16 Português
Poesia/Amor Céu 2 1.625 03/14/2018 - 22:25 Português
Poesia/Meditação Vida lá fora 5 1.251 03/14/2018 - 22:24 Português
Poesia/Dedicado Saudações 2 1.938 03/01/2018 - 11:13 Português
Fotos/Corpos Rendas 1 2.957 03/27/2016 - 03:20 Português
Poesia/Meditação Selváticas Emoções 0 1.166 01/17/2012 - 23:36 Português
Poesia/Meditação Talvez 2 1.362 01/17/2012 - 21:35 Português
Poesia/Meditação Jardins Aquáticos 1 1.262 01/04/2012 - 23:07 Português
Poesia/Meditação Eram rosas os meus olhos 1 1.938 12/27/2011 - 23:48 Português
Poesia/Meditação Verdes lembranças 0 1.773 12/15/2011 - 15:50 Português
Poesia/Meditação Se eu fosse só eu 0 1.538 12/09/2011 - 11:19 Português
Poesia/Meditação Bruma Intemporal 1 1.611 12/07/2011 - 02:03 Português
Poesia/Meditação Eras 1 1.690 12/06/2011 - 21:49 Português
Poesia/Meditação Vão-se os Modos, Esvai-se o Tempo 0 1.083 12/01/2011 - 21:29 Português
Poesia/Meditação Pensamento invulgar 1 1.875 11/30/2011 - 00:21 Português
Poesia/Meditação Dor 0 4.121 11/24/2011 - 13:45 Português
Poesia/Meditação Extraviados 6 2.885 11/23/2011 - 12:12 Português
Poesia/Meditação Bom Dia 1 2.467 09/29/2011 - 22:16 Português
Poesia/Tristeza Um nada somente 1 1.587 09/14/2011 - 12:23 Português
Prosas/Outros Sol da Manhã 0 1.547 09/12/2011 - 10:24 Português
Poesia/Amor Nu 0 1.861 09/07/2011 - 11:07 Português
Poesia/Amor Tu 2 1.385 08/30/2011 - 01:57 Português
Poesia/Meditação Só Alma 1 1.341 08/26/2011 - 10:23 Português
Poesia/Meditação O Avesso de Mim 2 1.394 08/23/2011 - 22:26 Português
Poesia/Meditação Grãos D'Ouro 3 1.689 08/23/2011 - 22:22 Português