CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

AS TARDES

As tardes

 

 

Quantas tardes eu já vi envelhecer,

E quantas manhãs eu já vi nascer,

O número é grande e eu não quero fazer contas,

Não preciso de saber, pois já passaram tantas.

 

Conto sim, as tardes que eu vou passando,

 E eu vou envelhecendo e com ela andando,

No tempo que é meu, vendo as tardes envelhecer,

E todas as manhãs e outros dias a nascer.

 

As tardes no tempo vão aparecer sempre,

Parece que morrem mas escondem-se a oriente,

Voltando sempre noutro dia que se segue,

E o anoitecer sempre as persegue.

 

A seguir às tardes vêm as noites escuras,

E poucas horas depois vêm as branduras,

Das manhãs com o Sol sempre a sorrir,

Dando luz aos dias para depois fugir.

 

O tempo que não me conhece me vai mostrando,

Os sinais da idade que me vai dando,

E eu agradeço ao tempo por estar ainda aqui,

Para sentir as tardes que vão passando por mim.

 

Desde o nascer do Sol até à tarde em que se esconde,

Lá no horizonte longínquo que fica não sei onde,

Eu olho para o céu, sinto o vento e vejo o mar,

Adormeço ao anoitecer para noutro dia acordar.

 

E assim, eu vou passando os dias sentindo,

Que o tempo sem o ver me vai fugindo,

E eu vou acordando logo de manhã cedo,

Para ir vivendo com a minha vida sempre ledo.

 

 

Fortaleza, 27 de Outubro de 2011 -Estêvão

 

 

 

Submited by

quinta-feira, março 20, 2014 - 18:09

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 dias 2 minutos
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Pensamento 0 370 12/20/2019 - 17:18 Português
Poesia/Meditação Pensamento 0 235 12/20/2019 - 17:13 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 283 12/12/2019 - 18:00 Português
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 5 2.451 12/09/2019 - 13:23 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 947 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 1.201 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 1.727 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.393 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 2.019 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 2.367 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 1.772 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.768 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 1.001 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 1.219 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.190 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 2.416 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 1.760 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 1.450 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 995 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 1.598 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.102 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.250 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 1.076 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.291 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 2.218 12/21/2016 - 10:58 Português