CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

UM DIA-A-DIA

As algemas com que vivo
noite e dia, estrangulando
vontades que sinto em mim...,
tornaram-me um ser cativo
duma existência que abrando
alienando-me assim:
trabalho com raiva e dor
e bebo para esquecer
o que enfrento dia a dia.
Filtro mágoas no suor
que no meu corpo, a escorrer,
grita cansaço, arrepia.

Maria Letra
 

Submited by

domingo, novembro 25, 2012 - 02:22

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Maria Letra

imagem de Maria Letra
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 semanas 5 dias
Membro desde: 11/20/2012
Conteúdos:
Pontos: 2223

Comentários

imagem de Maria Letra

UM DIA-A-DIA

Muito obrigada amigo e poeta GIL60.
Sim, este é um dia entre muitos outros de tantos seres humanos que trabalham duramente para conseguirem permitir-se uma existência digna.
Um abraço amigo.

imagem de GIL60

Gostei muito deste teu poema

Gostei muito deste teu poema, amiga e poetisa Maria.

Sinto-me muitas vezes preso dentro dessas algemas...

Beijos

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Maria Letra

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral SABER QUE DÓI 0 994 01/13/2014 - 13:02 Português
Prosas/Terror UM GALINHEIRO DE AVES ESCOLHIDAS A DEDO PARA PRODUZIR AUDIÊNCIAS 0 1.106 01/07/2014 - 07:47 Português
Poesia/Geral UM CERTO FALSO AMAR 0 933 12/30/2013 - 04:26 Português
Poesia/Geral ESTE NATAL EM PORTUGAL 0 475 12/29/2013 - 17:58 Português
Poesia/Geral UM EGO CEGO 0 1.308 12/12/2013 - 13:38 Português
Poesia/Poetrix SÓ, MAS FELIZ! 0 1.349 10/16/2013 - 07:35 Português
Poesia/Geral ERROS MEUS 0 973 10/16/2013 - 01:48 Português
Poesia/Geral QUANDO "SÓ", VALE A PENA 0 625 10/13/2013 - 18:43 Português
Poesia/Intervenção CERCO AOS MARRETAS 0 761 10/07/2013 - 11:11 Português
Poesia/Desilusão VER..., PARA CRER! 0 657 09/28/2013 - 11:20 Português
Poesia/Geral TEUS VENTOS 0 651 09/15/2013 - 09:14 Português
Poesia/Amor A TUA AUSÊNCIA 0 1.143 09/14/2013 - 15:03 Português
Poesia/Geral A MORTE TRAINDO A VIDA 0 485 09/06/2013 - 21:20 Português
Poesia/Geral A NATUREZA E NÓS 0 737 08/25/2013 - 16:20 Português
Poesia/Geral PORQUÊ SETEMBRO? 0 550 08/25/2013 - 11:56 Português
Poesia/Geral PROCESSO LENTO 0 964 08/20/2013 - 19:17 Português
Poesia/Geral DEVE AO SALDO MUITO HAVER 0 976 08/19/2013 - 00:03 Português
Poesia/Amor MEU SENTIR-TE 0 514 08/17/2013 - 13:38 Português
Poesia/Poetrix SATURAÇÃO 0 666 08/17/2013 - 10:29 Português
Poesia/Geral PROJECTO DE VIDA 0 820 08/17/2013 - 10:02 Português
Poesia/Tristeza MORTE, LEGADO ODIADO 0 666 08/16/2013 - 19:10 Português
Poesia/Tristeza TEMPOS QUE O TEMPO TE DEU 0 1.053 08/15/2013 - 11:08 Português
Poesia/Tristeza PERDÃO, MÃE! 0 2.025 08/13/2013 - 10:45 Português
Poesia/Geral O LADO MAU DA CULTURA 0 406 08/11/2013 - 18:00 Português
Poesia/Geral INDIFERENÇA 0 714 08/09/2013 - 17:52 Português