CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

VIAGEM INSÓLITA

Web Imagem

 

 Você entrou na contramão
Da minha história
Pelo retrovisor nem pude antever
E eu nem percebi a sua intenção

Quase batia de frente com a ilusão
Nem deu para ficar no acostamento
Tive de estacionada em local proibido
Atrapalhando o trânsito, perdi a direção

Tentei sair de ré com rapidez
Perdi meu rumo e fui multada
E até rebocada sem nenhum aviso
Parecia uma blitz em hora em errada

Mas chegando o tempo da vistoria
Comecei a receber multas das inflações
Perdendo vários pontos na carteira
Descontrolei-me descendo a ladeira

Agora vou reaver o meu destino
Antes pagarei as multas que vierem
Somente eu fiquei no prejuízo

Não deixarei abalroar-me no futuro
Nem vou bater de frente no seu muro
Nem vou cair mais em falsa blitz
Vou me reabilitar deste deslize

Retomo minha estrada, sigo em paz
Tomo a via expressa e vou tranqüila
Ninguém mais vai tirar-me desta rodovia

Levarei a bom termo o meu destino
Nesta auopista da vida acidentada
Tenho em mente as metas que tracei
E não darei mais chance à indecisão

Só acelero o coração se for verdade
Se eu souber que existe sintonia
Ao seguirmos na mesma direção

Felicidade é estrada de mão dupla

Misto de amor e cumplicidade

Submited by

domingo, maio 15, 2011 - 18:17

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

LourdesRamos

imagem de LourdesRamos
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 anos 33 semanas
Membro desde: 04/08/2009
Conteúdos:
Pontos: 2252

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of LourdesRamos

Tópico Título Respostasícone de ordenação Views Last Post Língua
Videos/Pessoal O HOMEM IDEAL 0 2.235 05/05/2011 - 03:50 Português
Videos/Arte TÚNEL DO TEMPO 0 2.302 05/11/2011 - 04:12 Português
Poesia/Amor EMPRÉSTIMO A PERDER DE VISTA 0 591 05/13/2011 - 16:45 Português
Poesia/Soneto SONETO INDISCRETO 0 420 05/13/2011 - 17:18 Português
Poesia/Amor VIDA 0 520 05/13/2011 - 17:31 Português
Poesia/Fantasia PROCURA-SE UM CORAÇÃO 0 978 05/13/2011 - 17:58 Português
Poesia/Alegria ALÔ, DOÇURA 0 421 05/13/2011 - 18:21 Português
Poesia/Fantasia FOTO DIGITAL 0 505 05/13/2011 - 18:36 Português
Poesia/Alegria PRIMAVERA, PRIMAVERA! 0 644 05/13/2011 - 19:29 Português
Poesia/Amor SONETO DESPOJADO 0 799 05/13/2011 - 20:05 Português
Poesia/Paixão ABDUZIDOS 0 700 05/14/2011 - 23:01 Português
Poesia/Amizade AMIGOS SÃO PARA SEMPRE! 0 390 05/14/2011 - 23:16 Português
Poesia/Alegria É AMOR OU AMIZADE? 0 490 05/14/2011 - 23:32 Português
Poesia/Meditação FUGAZ 0 834 05/14/2011 - 23:38 Português
Poesia/Soneto OÁSIS 0 631 05/14/2011 - 23:47 Português
Poesia/Comédia QUANDO O CARNAVAL CHEGAR 0 694 05/14/2011 - 23:55 Português
Poesia/Amor LAÇOS OU ALGEMAS? 0 538 05/15/2011 - 00:20 Português
Poesia/Amor MARCAS DE OUTRORA 0 648 05/15/2011 - 00:27 Português
Poesia/Meditação VIAGEM INSÓLITA 0 732 05/15/2011 - 18:17 Português
Poesia/Paixão ALUMBRAMETO 0 264 05/15/2011 - 18:56 Português
Poesia/Tristeza FALSAS CONTAS 0 692 05/15/2011 - 19:13 Português
Poesia/Alegria RONDEL PARA SER FELIZ 0 2.984 05/15/2011 - 19:38 Português
Poesia/Meditação RAIZES DE INCONSCIENTE 0 540 05/15/2011 - 20:11 Português
Poesia/Meditação UM LOUVOR 0 521 05/15/2011 - 20:21 Português
Poesia/Tristeza QUE DROGA! 0 568 05/15/2011 - 20:29 Português