CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

FESTA NA ALDEIA







 HÁ FESTA NA ALDEIA

 

Nas festas dos Santos Populares

Há muitos foguetes pelos ares

Na minha aldeia da serra

Que é a minha linda terra

 

 

Toda a gente usa roupa nova

Que o bom S. João aprova

Andam todos cheios de vaidade

Mostrando as suas novidades

 

 

Bailam as Marias com os Zés

Dança a Marta com o namorado

Todos dançam o corridinho

E o ar cheira a rosmaninho

 

 

Até o Ti Chico de perna curta

Dança com a Ti Maria a surda

Ao som de muita concertina

Vestidos com a sua roupa fina

 

 

 

 

 

Há carroceis e botequins

À volta do pequeno jardim

Comem bolos e bebem aguardente

Toda a gente está contente

 

 

Tocam os sinos da Igreja

Momento que toda a gente deseja

À espera da grande procissão

Em honra do bom S. João

 

 

Saem os andores para a rua

E a festa rija continua

Agora é tempo de solenidade

E todos pedem felicidade

 

 

A banda toca com respeito

E toda a gente de mão no peito

Pede a S. João com alegria

Que haja sempre romaria

 

 

A festa vai a desarmar

Os foguetes já não estalam no ar

A minha aldeia fica silenciosa

Mas também muito presunçosa

 

 

2005-Estêvão

Submited by

domingo, abril 15, 2012 - 11:39

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 semana 1 dia
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Comentários

imagem de KeilaPatricia

Gostei bastante... :)

Gostei bastante...

:)

imagem de Henricabilio

festividades

bela transposição das festas populares
. Curiosamente a minha aldeia
também fica na serra.
- e a festa anual é em Agosto.

Saudações

Abilio

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 6 3.165 06/17/2021 - 20:46 Português
Poesia/Meditação Pensamento 1 687 06/17/2021 - 20:45 Português
Poesia/Meditação Pensamento 1 832 06/17/2021 - 20:40 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 829 12/12/2019 - 18:00 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 1.545 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 1.892 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 2.488 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.969 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 2.597 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 3.116 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 2.359 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 2.321 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 1.639 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 1.972 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.792 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 3.005 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 2.490 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 2.027 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 1.390 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 2.119 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.614 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.751 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 1.662 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.972 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 3.030 12/21/2016 - 10:58 Português