CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

VOU MAS VOLTO

VOU MAS VOLTO

 

Vou – me embora com saudades do regresso.

 Chego e tenho saudades da partida

Não quero lágrimas na minha despedida

Mas às escondidas elas brotam e não impeço.

 

As que ficam e as que vão, são lágrimas minhas

Que podem ser, quem sabe, de alegria

Quando alguém me abraçar, na minha volta um dia

Se as saudades ficam dentro destas linhas.

 

Dos olhos de onde saem lágrimas de saudades

São os olhos da minha mãe que Deus levou

Agora neste mundo onde ela me deixou

Quero senti – la dentro das minhas verdades.

 

Verdades imensas que ela procurava em ensinar – me

Servem – me agora de guia na minha caminhada

Como se fosse uma canção por ela embalada

Palavras suas que com saudades para amar – me.

 

Parti, cheguei, recordo, tenho saudades do seu colo

Sou homem, sou pai e lembro – me da minha mãe

E dos seus reparos que me fazia muitas vezes também

Dentro da minha alma ela está viva e doce como um bolo.

 

 

E agora vivo  de recordações lançadas no meu tempo

Vou rindo, cantando por ter uma vida feliz com alegria

Tenho uma linda mulher na minha companhia

Com três lindos filhos que são o meu contento.

 

 

 

2005-Estêvão 

 

 

Submited by

quarta-feira, junho 27, 2012 - 09:47

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 dias 2 horas
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Pensamento 0 370 12/20/2019 - 17:18 Português
Poesia/Meditação Pensamento 0 235 12/20/2019 - 17:13 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 285 12/12/2019 - 18:00 Português
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 5 2.455 12/09/2019 - 13:23 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 947 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 1.202 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 1.728 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.394 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 2.020 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 2.368 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 1.773 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.773 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 1.003 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 1.220 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.190 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 2.417 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 1.761 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 1.453 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 995 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 1.600 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.103 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.251 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 1.077 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.294 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 2.218 12/21/2016 - 10:58 Português