CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Desabafos de uma pequena vida

Vagueei pela casa, à procura das respostas para todas as perguntas que durante 17 anos lhe fiz e das quais nunca tive resposta. Perguntei a Deus, porquê ela? Porquê uma pessoa como ela? Chorei até não poder mais, todos me pediam calma, mas eu não a tinha, não conseguia. Era como se me tivessem roubado um objecto sem o qual não conseguiria viver.
Mandei uma mensagem ao Ricardo às 7h44 para o avisar do que se tinha passado, para mim ele era a única pessoa que naquele momento me conseguiria acalmar e provavelmente ajudar-me. Uma vez mais ele mandou-me ter calma e distrair-me… Sentia-me inexplicavelmente calma, ele tinha conseguido faze-lo por alguns minutos, mas não por muito tempo, deu-me um repentino ataque de choro, tentei ligar-lhe, mas ele não atendeu, percebi que estaria ocupado, mas quando pudesse me daria alguma atenção. Para quem não sabe o Ricardo, é alguém que se mantém ao meu lado no bom ou no mau, nem que seja apenas psicologicamente.

(...)

O dia passava tão lentamente, parecia que as horas demoravam anos a passar, por incrível que pareça apenas me vinham à cabeça, pequenas passagens da minha vida ao lado dela durante os últimos anos, apenas ouvia a voz dela a afastar-se aos poucos de mim, sentia-a soltar-me aos poucos dos longos abraços que tantas vezes lhe dei, e nos quais me sentia a pessoa mais segura do mundo. Nunca ninguém me dará a segurança que ela me dava, nunca ninguém ocupará o lugar que ela deixou vazio, graças a uma irresponsável qualquer que numa madrugada deixou uma velhinha de 81 anos sozinha e debilitada fisicamente.
Já seria perto de meio-dia, quando devagar o carro funerário desceu a longa rua e parou a nossa porta, um caixão castanho claro, um arrepio de frio, uma lágrima, uma saudade, um vazio, tudo em 5 segundos. Sai pelo portão fora, encostei a minha mão levemente no vidro do carro, pensei para mim própria: “avó volta, amo-te”, mas ela não me respondeu, não voltou… Talvez ninguém entenda o que eu senti, quando acordei agarrada a um terço, pedindo a todos os santos, a deus, a todas as divindades para não levar a minha avó.

Amo-te melhor avó de sempre*

Submited by

segunda-feira, agosto 16, 2010 - 04:18

Prosas :

No votes yet

lau_almeida

imagem de lau_almeida
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 7 anos 37 semanas
Membro desde: 10/05/2009
Conteúdos:
Pontos: 707

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of lau_almeida

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Dedicado Espero que encontres 5 745 10/24/2012 - 21:31 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XVIII 0 998 02/12/2011 - 01:58 Português
Prosas/Tristeza Caminho Incerto* 0 1.189 01/01/2011 - 17:01 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XV 2 1.069 12/18/2010 - 02:02 Português
Fotos/ - 1859 0 1.246 11/24/2010 - 00:40 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XVII 0 996 11/19/2010 - 00:08 Português
Prosas/Romance Dias de Azar IX 0 940 11/19/2010 - 00:08 Português
Prosas/Tristeza Desabafos de uma pequena vida 0 1.076 11/19/2010 - 00:08 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XI 0 942 11/19/2010 - 00:08 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XVI 2 527 08/31/2010 - 16:15 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XVII 1 625 08/30/2010 - 18:00 Português
Poesia/Amor Sinto a tua Falta 2 601 08/26/2010 - 23:36 Português
Poesia/Amor Apaixonar-me 4 564 08/20/2010 - 13:10 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XIII 2 494 08/16/2010 - 12:27 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XIV 1 516 08/16/2010 - 11:05 Português
Poesia/Meditação Falsa Ilusão 4 538 08/15/2010 - 09:40 Português
Prosas/Romance Dias de Azar XII 2 621 08/12/2010 - 14:44 Português
Prosas/Saudade O piano da saudade 3 927 08/11/2010 - 01:14 Português
Prosas/Romance Dias de Azar X 1 585 08/10/2010 - 16:53 Português
Prosas/Cartas Um erro infantil talvez 2 903 08/08/2010 - 22:41 Português
Poesia/Amor Alguém que amo 6 620 08/07/2010 - 17:17 Português
Prosas/Romance Dias de Azar IX 4 1.163 08/05/2010 - 12:22 Português
Prosas/Romance Dias de Azar VIII 2 518 08/04/2010 - 18:16 Português
Prosas/Romance Dias de Azar V 4 637 08/04/2010 - 11:46 Português
Prosas/Romance Dias de Azar VI 4 544 08/04/2010 - 11:42 Português