CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

PÁTIO DOS DESEJOS

Consigo tirar sabor do que escrevo
Um paladar que desconheço
Mas tempero pelo que tenho esperado
Para o saborear á mesa das verdades
Os minutos que já não guardo
São consumidos por um tempo
Cada vez mais e mais faminto
Nesta caminhada sem distância
Catalogada por inércia sem datas
Como água dura em pedra mole
Depositada num oásis por inventar
Arquitectado no pátio dos desejos
Sou um sol que arde de paixão
Sem lua feita por uma mulher
E persigo-me até um novo eclipse
De uma solidão sem sombra
Á boleia de uma luz que assinala
A direcção ao meu propósito
Que o destino me entrega á alma
E devolve o tempo perdido
Mas que nunca terá sido em vão

Submited by

sábado, abril 12, 2008 - 11:45

Prosas :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 14 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor AMAR É SER SOL E LUA 6 1.219 07/03/2009 - 05:22 Português
Poesia/Desilusão CAIXÃO 7 847 06/18/2009 - 23:35 Português
Poesia/Geral AJO 1 1.442 05/21/2009 - 03:23 Português
Poesia/Amor QUERO 1 815 05/19/2009 - 15:09 Português
Poesia/Meditação EU... 4 2.692 05/19/2009 - 14:24 Português
Fotos/Outros O.V.N.I 6 1.498 05/18/2009 - 14:26 Português
Prosas/Pensamentos ÁRIES 2 1.587 05/11/2009 - 03:56 Português
Poesia/Paixão TU 1 1.290 05/11/2009 - 03:14 Português
Poesia/Meditação NOITE 3 2.079 05/05/2009 - 10:28 Português
Poesia/Amor QUÃO BELA É A MULHER 2 2.092 09/24/2008 - 13:04 Português