CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SEM O LUXO DA PAZ

Procuro fragrâncias que desconheço
Para escape ao profundo do ódio
Nas interrogações das noites
Em desejos que são cócegas excitantes
Que não passam de uma estátua cinzenta
Um original escuro mal copiado da luz
De um sentimento falido e ingrato
Que me leva a sentir a rotura
Na falta de confiança em tudo
Sonhar preenche-me a roseira da vida
Decorando os espinhos de esperança
Encurralado entre o verdadeiro e o falso
Sigo um propósito que não me confirma
Nem desmente os detalhes do meu querer
Não tenho o luxo da paz nesta solidão
Que não me assusta mas é sempre triste
O ser humano é concebido para viver a dois
Assim tão só divido-me entre o ser e não ser

Submited by

quarta-feira, março 19, 2008 - 01:51

Prosas :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 6 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 37.005 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.617 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.222 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.143 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 1.990 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.009 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.688 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.688 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DA POESIA 0 5.424 01/30/2015 - 23:06 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 1.831 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.263 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.365 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.633 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 2.834 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.178 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 1.872 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 1.753 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 1.755 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 2.921 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.560 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.466 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.389 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.426 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.755 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.663 01/16/2015 - 20:47 Português